1º Floripa Eco Fashion acontece nos dias 14 e 15 de dezembro, em Florianópolis

Fotos: Divulgação

O 1º Floripa Eco Fashion acontece nos dias 14 e 15 de dezembro, no Museu da Escola Catarinense, em Florianópolis. O evento tem como propósito mostrar o que estilistas, designers, artesãos e outras pessoas da comunidade estão fazendo por um viver sustentável no âmbito glocal. O evento foi idealizado por Neide Schulte, coordenadora do Programa Ecomoda Udesc e do Departamento Trama ética do GIOS, com o apoio de uma equipe engajada que acredita que cada um pode contribuir na construção de um modo de vida com mais bem estar e menos impacto socioambiental.

Leia também: Jovem catarinense deixa a cidade grande para plantar orgânicos no interior

O evento conta com expositores de marcas autorais, artesanato, projetos sociais e palestrantes falando sobre os mais diversos temas, ligados à moda e sustentabilidade. Entre os nomes estão a artesã Nara Guichon, que trabalha com tecidos sustentáveis desde os anos 80, no Sul da Ilha e a estilista uruguaia Agustina Comas, da marca Comas, que atua com upcycling. Uma das atrações é a exposição de ecobags criadas pelos alunos nos projetos do Ecomoda e da Trama Ética/Gios.

Agustina Comas

 

Museu da Escola Catarinense

A escolha do local tem a ver com a importância que se dá para a educação na incorporação da sustentabilidade. O Museu da Escola Catarinense MESC, criado em 1992 e instalado definitivamente no prédio a partir de 2007, foi o local da primeira Faculdade de Educação do Brasil e início da Universidade do Estado de Santa Catarina. O edifício encontra-se em local privilegiado localizado no alto de uma colina e marcada por estilo neoclássico, com colunas gregas ornamentais. Local é inspirador para compartilhar sonhos, experiências, angústias, alegrias e questionamentos sobre as dimensões sociais, ambientais, culturais, tecnológicas e econômicas da sustentabilidade.