3ª Confraria do Vinho Itapema oferece experiência guiada por clássicos e sabores inusitados

confraria do vinho
Foto: Daniel Conzi

Combinar pratos quentes com ingredientes frios, dar um toque final em preparações cozidas com um destaque cru, promover a acidez de um prato com vários ingredientes, para então equilibrá-la com somente um elemento certeiro, não é aventura para qualquer chef de cozinha. Mas vivenciar essa experiência de muitos sabores, e com garantia de sucesso, é uma das premissas da 3ª edição da Confraria do Vinho Itapema, nesta quinta-feira (2/8), às 20h, na Alameda Casa Rosa, em Florianópolis.

Não apenas no menu, mas também na harmonização, o evento propõe aos participantes uma experiência nova no universo enogastronômico, guiada por reconhecidos talentos do serviço da Alameda Casa Rosa e da Decanter, fornecedora oficial dos rótulos de espumantes, vinhos brancos, tintos e licorosos do evento. “Clássicos da cozinha francesa reinterpretados e muitas combinações inusitadas estarão no menu”, antecipa o chef Renato Stumpf, que vai estrear dois pratos novos nesta Confraria.

 

Coquetel volante

A noite começa com um coquetel volante, onde é destaque entre as entradas um salmão cítrico curado pela própria equipe do chef, com frutas cítricas da estação como laranja, limão siciliano e limão comum. O suco confere um sabor frutado ao peixe, que ainda ganha acidez com um picles de pepino, tudo equilibrado ao final com um molho de iogurte. Ostras do Ribeirão da Ilha estarão presentes e servidas de forma inusitada: com cogumelos shiitake e farofa crocante de ervas. Ainda no coquetel, dadinhos de tapioca com pimenta biquinho, mousseline de batatas com ricota defumada e tomates assados, e bolinho de bacalhau com creme de alho poró e azeite de tomates. Para acompanhar, a sommèlier e gerente da Decanter, Regina Essemburg, escolheu um espumante da Serra Gaúcha eleito o vinho revelação de 2016 pelo Guia Descorchados: o Lírica Crua, da Serra do Sudeste/RS, com uvas chardonnay, gouveio e pinot noir.

 

Pratos principais

Os dois pratos principais são novidades criadas pelo chef especialmente para a Confraria do Vinho. O Ballotine de frango, prato típico da França, vai provocar os paladares, pois será servido com camarão, molho de aspargos e uvas verdes cruas. “O sabor é surpreendente, traz para o clássico francês um pouco das culinárias espanhola e oriental, nas quais se costuma combinar frutos dos mar com aves”, explica Renato. Para o Ballotine, Regina escolheu um rosé português, o Conde de Vimioso Rosé, do Tejo, que é bastante versátil e traz as uvas Touriga e Syrah.

A outra estreia da noite é o segundo prato quente, um risotto de ragú de cordeiro com queijo brie, que vai inovar o paladar por ser coberto com um chantily de ervas servido frio. “É um prato clássico, com uma carne cozida ao forno por cinco horas, que se torna suave”, detalha o chef. “Com ele, o público degustará um vinho elegante e sedutor”, propõe a sommèlier da Decanter. O português Quinta de Foz do Arouce tinto, de origem denominada, Beiras, é feito com uvas Baga e Touriga Nacional.

 

Sobremesa

Para finalizar essa experiência, uma sobremesa tipicamente francesa, mas reinventada com uma fruta exótica genuinamente brasileira. Assim será o Nougat glacé com cupuaçu, que ocupará o lugar das clássicas frutas secas e será preparado com merengue e chantilly, acompanhado de cramberries secos, pralinnè de amêndoas e tangerina, esta em duas versões: em um delicioso gel e com casquinhas cristalizadas. “Para tornar a sobremesa ainda melhor, um moscatel roxo português”, oferece Regina. O fortificado Alambre Moscatel Roxo de Setúbal, da Província de Setúbal, é a indicação da sommèlier para fechar a noite.

 

A Confraria do Vinho Itapema

A organização é conduzida pelo coordenador da Itapema, Pedro Leite, e a Confraria do Vinho incorpora também o estilo da plataforma, no conceito do evento e, sobretudo, na ambientação musical, que é assinada pelo DJ Thon Soriedem. Em todas as edições o artista plástico Luciano Martins, parceiro do evento, pinta um quadro ao vivo, sorteado entre os participantes e finalizado depois em seu atelier, de forma a personalizá-lo para o ganhador. A Confraria do Vinho Itapema 2018 tem edições mensais até novembro, com patrocínio da Decanter, Bellacatarina, Acqualive SC e Grupo Geração, com apoio da Galeria de Arte Luciano Martins, Flor de Liz e parceria com a Alameda Casa Rosa.

Confraria do Vinho 2018 – 3°edição
Quando: 2 de agosto
Horário de início: 20h
Local: Alameda Casa Rosa (Rod. Admar Gonzaga, 3.401 – Itacorubi, Florianópolis)
Quanto: R$ 180
Ingressos: pelo site Blueticket e também nos pontos de venda: loja física da Blueticket (Beiramar Shopping), Siqlo (Beiramar Shopping), Bellacatarina (Av. Beiramar Norte, 5.036) e Decanter (R. Herman Blumenau, 207)

 

MENU E HARMONIZAÇÃO
Coquetel volante
Dadinho de tapioca com molho de pimenta biquinho
Mousseline de batata, ricota defumada, molho Romesco e chips de batata doce
Salmão cítrico, picles de pepino e molho de iogurte
Ostra poché com shiitake e farofa crocante de ervas
Vichyssoise, bacalhau e azeite de tomate
Harmonização: espumante Lírica Crua, da Serra do Sudeste/RS (uvas chardonnay, gouveio e pinot noir)

Primeiro prato
Ballotine de frango, camarão, velouté de aspargos e uva verde
Harmonização: Conde de Vimioso rosé, do Tejo/Portugal (uvas Touriga Nacional e Syrah)

Segundo prato
Risotto de ragú de cordeiro, queijo brie e chantilly de ervas
Harmonização: Quinta de Foz do Arouce tinto, de Beiras/Portugal (uvas Baga e Touriga Nacional)

Sobremesa
Nougat glacé e cupuaçu
Harmonização: Alambre Moscatel Roxo de Setúbal, da Província de Setúbal/Portugal