8ª edição do Floripa Quilt terá mostra em homenagem aos bombeiros

Mostra “Anjos da Missão Brumadinho” reúne 11 quilts especiais. Evento terá ainda a presença dos bombeiros de Joinville para uma roda de conversas

Voluntárias participantes que confeccionaram colchas para Brumadinho. Foto: Divulgação

O ano de 2019 foi marcado por um grande desastre ambiental e humano na cidade de Brumadinho, em Minas Gerais. Enquanto as pessoas que estão lá lutam para reconstruir suas vidas – assim como as vítimas de Mariana, que ainda estão na batalha –, muitos foram ao seu encontro para ajudá-los, seja presencialmente ou em iniciativas solidárias que começaram à distância.

Foi da urgência de ajudar e fazer parte desse movimento que nove artistas têxteis, capitaneadas por Ana Paula Brasil, criaram 11 quilts (uma técnica em Patchwork) que compõem a exposição Anjos da Missão Brumadinho. As obras, que retratam o cotidiano das missões de resgate, serão expostas no 8º Floripa Quilt, maior festival de Patchwork de SC, que acontece de 1º a 4 de maio na ACM em Florianópolis.

— No dia do rompimento da barragem em Brumadinho, entrei em desespero por estar tão longe e não poder ir para o Brasil e ajudar de alguma forma. Eu nunca senti tanta dor em minha vida, uma dor que me deixou oca, com uma sensação de impotência e desespero por querer ajudar. Então usei de minha influência profissional e “convoquei” minhas meninas (alunas e seguidoras), que já estão acostumadas com as ações que faço, a me ajudarem em uma nova ação. Mas éramos pouco mais de 400 — comenta a artesã Ana Paula que mora atualmente no Canadá.

Idealizadora Ana Paula Brasil. Foto: Divulgação

Depois do festival em Florianópolis, a mostra vai para Brumadinho e depois seguirá como uma exposição itinerante por todo o país. Depois de dois anos serão doadas pra instituições pré-definidas em Brumadinho: prefeitura, hospital, corpo de bombeiros, entre outros.

Além da exposição, o comandante do Corpo de Bombeiros de Joinville, e parte de usa equipe, que participaram das buscas pelas vítimas em Minas Gerais, estarão no Floripa Quilt para uma roda de conversa. Esse encontro entre os bombeiros e as artesãs será na quinta-feira, 2 de maio, às 14h.

Foto: Divulgação

— O objetivo da exposição é homenagear os bombeiros e voluntários que participaram das operações, mostrar que a arte é importante para o processo de entendimento coletivo de um evento tão impactante para um país, e de alguma maneira fazer a diferença para quem teve suas vidas afetadas — comenta Janaina Machado Cordeiro, organizadora do Floripa Quilt.

A exposição e a roda de conversa são apenas parte do trabalho desenvolvido para apoio às vítimas de Brumadinho, que ainda conta com a confecção de colchas, doações, e a criação do Ateliê Bobina Cheia de Amor, que dará aulas gratuitas aos moradores de Brumadinho. Ana Paula pretende doar no dia 18 de maio, em Brumadinho, cerca de 300 colchas confeccionadas por artesãs voluntárias em todo o Brasil e outros países. A meta é conseguir mil colchas.

— Queremos fazer funcionar em Brumadinho o Ateliê Bobina Cheia de Amor, onde as aulas serão ministradas gratuitamente, especialmente para aquelas mulheres que foram atingidas de alguma forma pela tragédia e precisam recomeçar. É uma oportunidade de aprender um novo ofício e empreender através do artesanato. Iniciaremos as aulas no dia 14 a 17 de maio de 2019, contando com a ajuda de professoras e assistentes voluntárias, professoras essas que já dão aulas na TV, ensinam através do Youtube e Facebook e se voluntariaram a ensinar não só para ser uma terapia, mas para ser fonte de renda — comenta a artesã Ana Paula.

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Uma publicação compartilhada por Brumadinho Quilt (@brumadinho_quilt) em

O Floripa Quilt – Festival de Patchwork de Florianópolis/SC – mobiliza todo o segmento artístico e comercial que envolve o Patchwork, divulgando os trabalhos locais e nacionais, promovendo oficinas de aprimoramento de técnicas e disponibilizando estandes com venda de materiais destinados a arte do patchwork. Durante o evento são realizadas também mostras com a exposição de trabalhos de artistas nacionais, internacionalmente reconhecidos e ainda um concurso com premiação aos melhores Quilts.

 

Serviço

O quê: Floripa Quilt – Festival de Patchwork
Quando: 01 a 03/05 das 13h às 19h e 04/5 das 10h às 17h
Onde: ACM – Associação Catarinense de Medicina – Rod. José Carlos Daux, 3854 – Saco Grande, Florianópolis
Programação: www.floripaquilt.com.br