Acupuntura e fitoterapia podem ajudar a superar a dor de amor

Curar aquele sofrimento por ter terminado um relacionamento pode receber uma ajudinha da Medicina Tradicional Chinesa

Relacionamento
Foto: Stock Photos

Quem nunca passou por momentos ruins depois de terminar uma relação? O famoso ‘pé na bunda’ pode trazer à tona sentimentos de tristeza e solidão e muitas vezes o conselho de que ‘o tempo cura tudo’ não é o suficiente para amenizar a dor de amor.

Cada indivíduo tem seu tempo de recuperação, mas em alguns casos é necessário ter ajuda profissional para sair da desilusão amorosa e superar o momento da perda. O corpo reage quimicamente diante de situações desse tipo e o cérebro atua de forma diferente durante esse período.

A produção de dopamina e a serotonina que ocorre quando alguém se apaixona e que é perdida completamente com o rompimento, pode ser estimulada por meio da acupuntura.

Leia também:

Relacionamento ioiô: saiba como o vai e volta pode complicar a sua vida

No fim de um relacionamento a devolução mais importante é a da nossa essência

— Esses hormônios trazem a sensação de felicidade e bem-estar que produzimos quando nos apaixonamos e podem fazer com que o cérebro ligue essa sensação à outra pessoa. A estimulação na fase de rompimento do relacionamento leva o cérebro a fazer novas associações e a produzir novamente os hormônios do prazer — explica o professor Daniel Alan Costa, acupunturista membro da WFCMS (World Federation Chinese Medicine Societies).

É possível potencializar o tratamento inserindo alguns componentes na dieta. Com propriedades calmantes, para ajudar na ansiedade e a dormir bem, alguns chás são recomendados: passiflora, camomila, mulungu, valeriana e macela.

Outro complemento da busca para superar o fora é a terapia. Quando a sensação é de que nada mais faz sentido sem aquela pessoa, que não é possível sobreviver sem a companhia do outro, é importante buscar ajuda profissional para terapia também.