Memórias do box: Aleksandar Mandic, o criador da internet no Brasil

Aleksandar Mandic é nascido no Brasil, pais que a mãe nascida na Bielorrússia e o pai na Sérvia, escolheram como um país mais tranquilo para viver. Mandic é um gênio que revolucionou a vida dos brasileiros quando criou o primeiro provedor de acesso a Internet. Fazia tudo no quarto do seu apartamento na rua Cayowaá, no bairro Perdizes em São Paulo. Ele mesmo subia nos postes para fazer a fiação necessária.

Como frequentador assíduo do Box 32, a amizade nos levou a viver momentos incríveis. Quando tocava o meu telefone no sábado ou domingo pela manhã cedo, eu já sabia quem era ao atender. Com o ronco dos motores do seu avião ao fundo, Mandic após dar bom dia dizia: ‘Beto vai para o aeroporto de Floripa que eu estou decolando de São Paulo agora para buscar você e a Priscilla’. E eu respondia: ‘Mandic, onde vamos?’ E ele respondia: ‘Onde você quiser, mas hoje é uma boa ir comer uma costela em Chapecó com os nossos amigos’. No início da noite nos deixava em Floripa e seguia para São Paulo. E era assim que acontecia. Cada viagem uma surpresa.

Em certa ocasião, decolamos do Campo de Marte em São Paulo com destino a Floripa e eu percebi que estávamos indo para o oeste quando a nossa direção era para o sul. Perguntei: ‘Mandic, para onde estamos indo?’ E ele respondeu: ‘Para Sorocaba comer a melhor costela do Brasil e depois vamos para sul’. Nunca esquecerei daquela costela, de tão bem assada. Eu enrolava no garfo como se fosse espaguete.

Mandic não era engenheiro, mas pela sua genialidade, acreditem, chegou a chefe dos engenheiros da Siemens. Com a chegada da internet no Brasil, ele criou a Mandic Internet S.A. Em janeiro de 2000, fundou com outro amigo o IG. Em janeiro de 2002, reabriu a Mandic com foco em e-mail corporativo, cujo slogan era “o melhor e-mail que a internet pode fazer”.

Dez anos depois, vendeu a empresa por R$ 100 milhões. Em 2013, Mandic criou despretensiosamente um App que o ajudaria como um data base para senhas de Wi-Fi dos locais públicos que ele frequentasse. Assim nasceu o Wi-Fi Magic, um aplicativo gratuito que é uma rede social de compartilhamento de senhas Wi-Fi, que funciona de uma forma simples: o aplicativo informa as senhas das conexões à internet próximas do local público onde o usuário se encontra. Um anos após seu lançamento, o App já contava com mais de 15 milhões de usuários espalhados pelo mundo.

Nos muitos momentos de descontração e boa conversa, Mandic sempre afirma que todas as suas ideias nasceram no balcão de um bar. Atualmente divide o seu tempo com estadas no Brasil, nos Estados Unidos e em Portugal. Na foto, Mandic está ao lado de outro gênio brasileiro, o artista catarinense Juarez Machado, tão popular nos corredores do Mercado Público quanto ele.

Leia mais:

Gin: a bebida que está na moda

Receita manezinha homenageia Saint Exupery

Jader Jorge, conhecido como o rei do kibe