Alexandre Pires grava DVD em Floripa e afirma: “O público de SC é muito quente”

Nesta entrevista, Alexandre fala sobre ter escolhido Santa Catarina para morar e também para gravar o DVD

Alexandre Pires
Foto: Pedro Curi/TV Globo

O cantor Alexandre Pires chega a Florianópolis neste fim de semana para a gravação do DVD do Baile do Nego Véio, show que reúne clássicos do pagode dos anos 1990. A gravação será neste sábado, no P12, em Jurerê, e sócio do Clube NSC tem desconto de 20% no ingresso. Nesta entrevista, Alexandre fala sobre ter escolhido Santa Catarina para morar e também para gravar o DVD, que o mantém como um dos principais nomes do pagode. Confira:

Como surgiu a ideia do projeto Baile do Nego Véio?

O baile surgiu em uma conversa com meu empresário. Muitos contratantes pediam um show com sucessos do SPC e da minha carreira solo, então decidimos fazer um show com sucessos dos anos 90.

Como foi a escolha do repertório para este show?

Foi bem difícil, muitas músicas marcaram os anos 90, o que dificultou muito a escolha do repertório.

Nos shows do Alexandre Pires, quais canções não podem ficar de fora?

Essa tal liberdade, Depois do prazer, entre outras.

Algumas canções suas e do Só pra Contrariar marcaram e ainda marcam a vida de várias pessoas. Qual é a sensação de estar tão presente na vida dos fãs?

É muito gratificante você cantar e ver que a sua obra marcou a vida de uma pessoa.

Qual canção marcou sua carreira e por quê?

Existem várias músicas, não consigo escolher uma só.

Com um show de quase três horas de duração, você precisou fazer alguma preparação diferenciada?

Sim. Me alimento com coisas leves, tomo muita água de coco para me hidratar.

O show do P12 será também a gravação do DVD desse projeto, que já é sucesso no país inteiro. O que o público de SC pode esperar para essa apresentação?

Um DVD cheio de energia e muita alegria por parte de todos nós, que estamos preparando tudo com muito carinho.

Você irá levar algum convidado para a gravação do DVD?

Não, resolvemos fazer conforme a turnê está andando, somente eu e a banda.

Por que escolheu o P12 – e Santa Catarina – para gravar o DVD desse projeto?

O público de Santa Catarina é muito quente e a casa tem um visual leve e alegre, conforme é o baile.

Você ainda está morando em Itapema? Procede a notícia que você vai abandonar o Brasil para morar em Orlando?

Moro, sim. Adoro o estado de Santa Catarina, existem lugares maravilhosos por aqui.

Nos anos 90, o pagode/samba viveu uma ascensão, grandes grupos surgiram e gravaram sucessos que até hoje estão na boca do povo, no entanto, nem todas continuam na estrada. A que você atribui essa descontinuidade?

Acho que a maior descontinuidade foi a pouca união que o segmento tem, infelizmente.

SERVIÇO

O Baile do Nego Veio – Alexandre Pires

Dia 13/10, 14h

Quanto: R$ 60. Desconto de 20% para sócio do Clube NSC e acompanhante na compra do ingresso antecipado, no local, em horário comercial.

Local: P12 (Servidão José Cardoso de Oliveira, Jurerê Internacional, Florianópolis)