Aplicativo de transporte feminino ganha espaço nas ruas de Florianópolis

Foto divulgação

A empresa Joinvilense Woman´s Driver, instalada em Floripa há 6 meses, conta com 15 mil passageiras cadastradas e 200 motoristas ativas entre as duas cidades.

– Eu era motorista de caminhão quando a Uber começou em Joinville, mas estava parada há três anos. Meu filho me perguntou se eu não gostaria de fazer corridas pelo aplicativo para ter uma atividade e espairecer a cabeça. Foi quando eu comecei a rodar pela cidade e percebi que cada vez que eu pegava uma mulher, ela ficava contente e me perguntava se não podia me chamar direto. Ouvindo vários relatos de motoristas amigas, tive a ideia de criar um aplicativo só para mulheres. Assim, eu e meu filho começamos a estruturar todo o aplicativo e lançamos depois de um ano de estudo o WD – conta, com orgulho, Rose Cuarelli.

Foto Reprodução

Com sede em Joinville, a WD Floripa possui serviço diferenciado exclusivo cadastrando apenas mulheres. Homens podem circular apenas acompanhando a cadastrada e com o mesmo destino.

O serviço conta também com o transporte de menores de 16 anos, desde que a solicitante seja a responsável pela criança e mediante autorização. Com essa facilidade para as mães, a ida e vinda do colégio e das atividades complementares se tornaram rotina para as motoristas, que aguardam a cada agendamento, que pode ser feita tanto pelo telefone, como pelo Whatsapp.

Pets também são bem-vindos, desde que estejam em sua caixa de transporte.

Para acessar o serviço, basta baixar o aplicativo pela Google play ou Apple Store.

 

Mais sobre mulheres:
“Precisamos de mais mulheres nas áreas de tecnologia e engenharia”
Endometriose: entenda a doença que afeta a fertilidade e a vida sexual das mulheres
Curta catarinense conta a história de mulher trans que reencontra a mãe