Ariana Grande desabafa em discurso emocionante ao receber o prêmio de Mulher do Ano

Foto: AFP

Ariana Grande sensibilizou a todos ao subir ao palco do Billboard’s Women in Music, na noite de quinta-feira, 6, para receber o prêmio de Mulher do Ano. Ao fazer seu discurso de agradecimento, a cantora não segurou as lágrimas ao dizer que 2018 foi um ano difícil, inclusive pela morte de seu ex-namorado, Mac Miller, e o fim do romance com Pete Davidson, de quem estava noiva.

Foto: AFP

– Acho que foi um dos melhores anos da minha carreira e o pior da minha vida – disse Ariana, visivelmente emocionada.

– Eu não estou dizendo isso por simpatia, mas porque acho que muitas pessoas olham para outras que estão na minha mesma posição agora e pensam: ‘Ela realmente tem tudo’. Sim, eu tenho [tudo], mas no que diz respeito à minha vida pessoal, eu realmente não tenho ideia do que eu estou fazendo, tem sido muito conflitante – desabafou.

Foto: AFP

Ariana Grande tem 25 anos e já conquistou três vezes o primeiro lugar da lista de álbuns Billboard 200. Sua última conquista foi em agosto, quando ela emplacou duas canções entre as mais tocadas, No Tears Left to Cry e God Is a Woman e ainda fez a melhor semana nas plataformas digitais entre os álbuns pop com Sweetener, seu quarto álbum de estúdio lançado neste ano.

Além da música, Ariana costuma usar as suas redes sociais para fortalecer e disseminar as causas sociais em que ela acredita, como campanhas de conscientização sobre doenças mentais, direitos aos LGBT e contra o racismo.

As artistas como Selena Gomez, Lady Gaga, Madonna e Taylor Swift já receberam o mesmo prêmio.