BBB 19: catarinense Alan indica Hariany para mais um paredão

Primeiro desclassificado da prova pela liderança, Alan indicou a participante diretamente para a votação popular

BBB 19
Dança das cadeiras no BBB. Foto: Reprodução/TV Globo

Na vida, não basta habilidade ou resistência, também é preciso ter sorte. No Big Brother desta quinta-feira (31), quem esbanjou boa fortuna foi Carol Peixinho, que se tornou a nova líder da casa mais vigiada do Brasil, após vencer a prova de dança das cadeiras (entenda a dinâmica no final da matéria). Como líder, a sister tem imunidade na próxima votação e ainda pode indicar um participante diretamente para o paredão, no próximo domingo (3).

Por outro lado, a azarada desta quinta foi Hariany, indicada ao paredão pela segunda vez. No último domingo, Maycon a indicou após atender o Big Fone. Agora, foi a vez de Alan indicá-la, após receber um poder surpresa por ter sido o primeiro desclassificado da prova pela liderança. Assim, a participante encara mais um paredão triplo.

Leia também: Vinicius, primeiro eliminado do Big Brother Brasil, deixa uma lição sobre feminismo

A primeira líder da casa, Hana, chegou até a final desta prova do líder, mas escolheu o banco errado na última chance. No domingo (27), ela indicou para o paredão Gustavo, eliminado com quase 80% dos votos.

A prova

Por cinco rodadas, os brothers tiveram que dançar em volta de banquinhos numerados e escolher em qual sentar cada vez que a música era interrompida. Assim que todos estavam em seus lugares, os participantes sentados nos bancos errados eram eliminados.

Antes da prova ter início, Tiago Leifert já tinha anunciado ao público que o banco número 12 seria o vencedor. Além disso, a cada rodada aparecia na tela, apenas para os telespectadores, quais lugares seriam os eliminados – antes dos participantes os escolherem.

 

Leia também:

Racismo reverso existe? Discussão no BBB esclarece sobre o assunto

BBB em 5 minutos: os principais fatos da primeira semana de programa