Sustentabilidade: Beto Carrero World substitui canudos plásticos por biodegradáveis

Maior parque temático da América Latina estima eliminar mais de 1 milhão de produtos plásticos por ano

(Foto: Divulgação/Beto Carrero World)

O maior parque temático da América Latina passou a substituir os canudos plásticos por canudos de papel, que são biodegradáveis e não oferecem risco à vida marinha. A estimativa do Beto Carrero World é eliminar 1 milhão de canudinhos do planeta por ano com a iniciativa.

— Temos uma conexão ambiental diária e aqui fica uma base do Projeto Tamar, uma das mais bem-sucedidas experiências de conservação marinha e que serve de modelo para outros países, sobretudo porque envolve as comunidades costeiras diretamente no seu trabalho socioambiental — destaca Kátia Cassaro, bióloga do Beto Carrero World.

Área de preservação do parque (Foto: Divulgação/Beto Carrero World)

Todos os estabelecimentos que servem alimentação e bebidas do maior parque temático da América Latina e que oferecem a opção eco-friendly contam com um selo. Ele sinaliza ao público a possibilidade de ajudar o planeta com um simples gesto.

— Ser eco-friendly é mais do que se preocupar com a causa ambiental, é adotar atitudes que transformam o mundo, é se comprometer pelo bem de todos — explica Sabrina Loeck, coordenadora de varejo do parque.

Sustentabilidade no parque

O cuidado com a natureza e os animais sempre foi uma grande preocupação do fundador Beto Carrero, e este legado é uma das prioridades do empreendimento. Por acreditar na preservação como forma de garantir um futuro melhor, são realizadas internamente diversas outras ações em prol do Meio Ambiente:

Preservação das espécies: o zoológico do parque conta com diversas espécies ameaçadas de extinção no mundo. Incentivador da procriação destas raridades, já somou cerca de 30 nascimentos no último ano. Além disso, mantém parceria com o Instituto Chico Mendes da Biodiversidade (ICMBio) para integrar o programa de reprodução em cativeiro do mico-leão-dourado.

Pássaro Maria da Restinga é uma das espécies ameaçadas de extinção. (Foto: Divulgação/Beto Carrero World)

Reciclagem: todos os resíduos gerados dentro do Beto Carrero World são selecionados e ganham nova utilização através da destinação correta. Ao todo, cerca de 20 mil quilos de plástico ganham destino correto por ano. No Instituto Beto Carrero através do curso “Betinho Carrero Fazendo Arte”, mais de 300 quilos são reciclados por ano.

Áreas de preservação: três milhões de metros quadrados do parque são de mata atlântica preservada e floresta intocada. Cuidado que garantiu ao maior parque temático da América Latina diversas premiações, sendo a mais recente o nacional prêmio Braztoa de Sustentabilidade.

Tratamento de efluentes: recurso fundamental de sobrevivência, a água também recebe cuidado especial, com uma estação de Tratamento de Efluentes que garante a remoção de carga orgânica de todo esgoto gerado no empreendimento, de acordo com o que prevê a legislação ambiental.

Sócios do Clube do Assinante possuem desconto de 15% e +3 acompanhantes. 

Para ser sócio do Clube NSC, você precisa assinar um dos jornais DC, Santa ou AN em Loja NSC. Com planos a partir de R$ 9,90 por mês, você tem acesso a todo o conteúdo de notícias e tem direito a utilizar os descontos do Clube em festas, shows, restaurantes, cinema, educação, serviços e muito mais.

Leia também:

Por que canudinhos de plástico estão sendo considerados vilões do ambiente?

Restaurante de Santa Catarina é o primeiro do Brasil a receber o certificado Lixo Zero