2 cafés coloniais que merecem a visita em Florianópolis

Foto Divulgação

por Paula Georg, do @eatfloripa

Ia começar falando que o frio finalmente chegou em Floripa, mas acho que isso todo mundo já sabe… por isso vou começar falando: sabe o que combina com frio? Café colonial! Então, se prepara que vem dica de como aquecer as tardes e deixar elas ainda mais deliciosas!

O primeiro, em Santo Antônio de Lisboa, em uma casa linda, com uma fonte na entrada, uma horta, muitas flores e verde, o @perlagebistrosantoantonio conta com um ambiente amplo e elegante, mesas grandes com arranjos florais de encher os olhos e um clima de casa de campo, daquelas que a gente adora passar o final de semana. Mas o Perlage não é apenas um lindo bistrô… nas sextas, sábados e domingos à tarde, ele se transforma em um delicioso café colonial, recheado com nossos pratos favoritos! O buffet conta com tortas, bolos, variedade de pães e frios, geleias, tem também franguinho e tantas outras delícias, como pizza preparada na hora, café, sucos e água a vontade. Tem também uma vasta carta de vinhos e espumantes a parte. O Perlage funciona como café colonial na sexta e sábado das 16h às 20h e domingo das 11h às 16h, e o buffet livre custa R$ 39.

A minha segunda dica fica do outro lado da cidade, em uma casa que anos atrás abrigou um engenho de farinha, e hoje recebe clientes e amigos para um banquete de opções deliciosas! O @tremdeminasribeirao, trouxe para Floripa o sabor e aconchego da comida mineira e conta com um buffet de pratos quentes, que inclui feijão tropeiro, polenta, carnes, pão de queijo (óbvio), massas, batatas assadas, todos lindamente acomodados em um lindo fogão a lenha e em panelas de ferro. Também oferece uma imensidade de bolos, tortas, doces e folhados, frios, pães, sucos e café. Pensa em um lugar que você chega e não quer mais ir embora! A vista, o campo em frente que traz tranquilidade, o ambiente, uma mistura de aconchego com carinho e comida feita em casa… Só coisas que amamos!

O trem ainda conta com parquinho para crianças e espaço para piquenique, e funciona de quarta a domingo das 12h às 20h e custa R$ 40 o buffet livre, com todas opções citadas. Também oferece opção por peso.

(Deslize para mais fotos ➡) Que lugar! Que comida! Fomos conhecer o novo @tremdeminasribeirao, (antigo le café, que já mostramos por aqui), que trouxe pro ribeirão da ilha todo sabor da comida mineira, combinada com delícias de café colonial, criando um ambiente aconchegante e que não dá vontade de ir embora. A casa, um antigo engenho de farinha, guarda toda a história e garante uma experiência diferenciada, um fogão a lenha abriga os pratos quentes dos mais variados, polenta, carne de panela, feijão tropeiro, tudo com um toque mineiro. A parte de doces é de encher os olhos, tortas, bolos, tarteletes e folhados, preparados diariamente. Além de todas essas delícias, a casa ainda oferece sucos, café, pães e frios e funciona de duas formas: livre, por R$ 40,00 (com todaaaaaaas essas delícias inclusas) ou R$ 63,90 kg. Além disso, você pode fazer sua festa lá, com pratos preparados para especialmente, ou até fazer piquenique! Eles preparam uma cesta especial, recheada de maravilhas, com toalha e almofadas, para poder curtir a área externa, que conta com parquinho para as crianças. Apenas uma experiência sem igual. Estamos apaixonados! Funcionamento de quarta a domingo do meio dia as 20hrs! Obrigada @ilikemktdigital e @tremdeminasribeirao pelo convite delicioso e por nos receberem com tanto carinho!

Uma publicação compartilhada por EAT Floripa (@eatfloripa) em

Indico muito ambos os passeios para quem procura um programa delicioso, relaxante e diferente!

Vale também conhecer

E quero deixar registrado que estou doida pra ir conhecer o @cafehausgloria que fica em Blumenau. O café serve café colonial do mais tradicional, com cucas, tortas, pães e outras opções, além de almoço e sempre ter uma xícara de café quentinha e uma fatia de torta pronta! Quando for lá conto pra vocês!

Uma ótima semana para nós!
Beijos,

Paula @eatfloripa


Leia mais:

Paula Georg: Fica, vai ter… delivery!

Paula Georg: confira dicas de como presentear com doces