Catarinense tem o maior canal do Youtube no Brasil sobre intercâmbio

Michelle Alves conquistou mais de 270 mil inscritos no canal

Foto: Instagram @mialvess

Aos 25 anos, a catarinense Michelle Alves, de Blumenau, é a principal influencer brasileira quando o assunto é intercâmbio. Com dicas de viagens e vídeos que relatam a rotina da intercambista, ela conquistou mais de 270 mil inscritos no canal e se tornou a maior youtuber do Brasil no assunto.

As gravações começaram em 2014, durante um dos intercâmbios que realizou. Michelle conta que já alimentava um blog sobre o assunto, mas, ao chegar nos Estados Unidos, achou que não teria como continuar escrevendo e conciliar com os estudos. Entretanto, seus seguidores não concordaram:

— Eu recebia muitas mensagens das pessoas perguntando o que eu estava fazendo e querendo explicações sobre o tipo de intercambio que eu fiz, o Au Pair. O jeito mais fácil que eu achei na época foi fazer um vídeo e quando as pessoas me perguntassem, eu mandava o vídeo. E foi assim que surgiu o canal.

Os primeiros vídeos publicados no canal explicam como funciona o Au Pair, um tipo de intercâmbio que une trabalho e estudos no exterior. Com a repercussão, a jovem catarinense decidiu gravar a rotina de intercambista e passou a conquistar espaço com esse tema na internet.

— Eu recebo mensagens de meninas e meninos que falam que estão me acompanhando desde 2014, no começo do canal, e isso é muito bacana. Acho que as pessoas gostam dessa realidade, gostam de clareza e informação. A gente tá falando de um sonho de uma pessoa, e então é preciso muita informação e credibilidade.

Por onde andou

Michelle já visitou 15 países e registrou no canal informações e dicas sobre cada viagem. Nem todos foram intercâmbios, já que durante uma viagem Michelle aproveita para conhecer outros países, como quando foi para os EUA e visitou a França e a Holanda.

Para os próximos anos, a viajante tem planos ousados:

— A minha ideia é fazer pelo menos 30 até os 30 anos. Faltam cinco anos ainda e mais 15 países para visitar. Acho que consigo e vai dar tudo certo.

Com uma bagagem tão grande, a influencer costuma ouvir perguntas sobre o local que ela mais indica para intercambistas e responde com sinceridade.

— A viagem mais indicada, na verdade, depende muito do perfil da pessoa, se ela quer fazer uma pós-graduação, estudar um idioma… então vai depender muito do que a pessoa quer com o intercâmbio.

A principal dica é não desanimar. Ela comenta sobre o alto valor de investimento para uma viagem dessas e, por isso, afirma que é muito importante ter objetivos traçados antes de comprar as passagens. Mas garante que vale cada centavo:

— O intercâmbio te traz experiências novas, você visita lugares, e tem um crescimento pessoal e profissional muito grande. Sou outra Michelle desde o meu primeiro intercâmbio, mudei totalmente minha forma de ver o mundo e acho que todo mundo, ao menos uma vez, tinha que passar por experiência como essa, de estudar fora e ter uma rotina nova nem que seja por duas semanas. Todo mundo tem 30 dias de férias por ano, por que não tirar desses 30 dias e ficar 15 estudando inglês nos EUA, em Londres ou no Canadá? Aproveita as férias para investir em você também.

Leia também:

Catarinense vira febre na internet ensinando a fazer slime, a famosa massa de modelar

Confira um roteiro de sete dias por Nova York