Chef Leo Abreu mostra como harmonizar pão com fermentação natural, carne e cerveja

Chef responsável pelo canal no YouTube Old School Kitchen, fala de experiências gastronômicas e ensina uma receita irresistível

Fotos: Allan Barbosa/Divulgação

* Sandro Paim, especial

O chef e empreendedor Leo Abreu, de 30 anos, conhecido pelo restaurante Brewmille, em Coqueiros, na Capital, abre em breve um novo espaço ao lado de dois sócios. O Ferro – Rango Sincero, localizado no Santa Mônica, também em Floripa, tem uma proposta autêntica, informal e com cozinha aberta. Apaixonado por “comida bruta e sem frescura”, ele não imaginava as proporções que alcançaria com o Old School Kitchen, canal de culinária comandado por ele e que soma mais de 2,6 milhões de visualizações no YouTube.

– Minha história com a gastronomia é meio louca. Eu estava em São Paulo, minha cidade natal, e a Tássia, minha esposa, ficou grávida do Valentim (hoje com cinco anos). Foi quando viemos para Floripa. Ela fazia brownies para eu vender, ia de porta em porta, entrava nos centros comerciais e oferecia. A partir daí eu comecei a vender também para restaurantes, e começamos a nos dedicar às sobremesas artesanais. O passo seguinte foi abrir uma loja da Brewmille, no bairro Areias, em São José. O projeto chamou a atenção de um investidor e a operação migrou para Coqueiros, onde nosso negócio se tornou conhecido. O canal nasceu em paralelo à isso tudo, muito despretensioso – comenta Leo.

O perfil foi criado em 2014, mas começou a bombar com vídeos de receitas em 2017. De lá para cá, ele investiu no que um bom canal precisa ter: edição e estética, conteúdo relevante, apresentação de qualidade e receitas irresistíveis.

A ideia do Old School Kitchen era reunir amigos e família em volta da mesa, celebrando tudo que envolve uma refeição. Sua mais recente produção está entre as mais especiais do canal, feita em comemoração aos 100 mil inscritos. Sem enrolação, Leo nos ensina a fazer um dos alimentos mais antigos do mundo, o pão, acompanhado de carne e harmonizado com a Cerveza Patagonia.

Num cenário em que recebemos bombardeios de informações em ritmo intenso, o Old School Kitchen nos presenteia com uma receita que faz voltar no tempo:

– Além das gramas e medidas, o pão de fermentação natural resgata um processo que nos ensina a valorizar o movimento artesanal – afirma.

Para começar, é necessário um Levain, fermento natural feito da mistura de farinha e água. Ele leva cinco dias para ficar pronto.

Depois de fermentado, começa o preparo da massa e da sova. O chef indica o estilo francês, ou seja, se deve esticar e dobrar a massa, garantindo a sustentação do pão. Os próximos passos consistem no molde e descanso, para finalmente ir ao forno. O resultado é um pão de qualidade, com crosta crocante e massa interna macia.

Receita

Ingredientes
● 250g farinha branca
● 100g farinha integral
● 230ml água + 20ml quando entra o sal
● 70g de Levain
● 7g sal

Modo de preparo
● Preparar o Levain e aguardar atingir o ponto de crescimento (quatro horas, em média).
● Misturar bem o Levain, farinhas, água e aguardar 30 minutos.
● Acrescentar sal com um pouco de água, fazer a sova francesa e aguardar mais 30 minutos.
● Realizar quatro dobras a cada 30 minutos, até completar duas horas.
● Deixar fermentar por aproximadamente três horas.
● Realizar o pré-molde e aguardar 30 minutos.
● Realizar o molde final e deixar fermentar no cesto por aproximadamente três horas.
● Assar por 20 minutos, em panela de ferro fechada, até dourar.

Pão, carne e cerveja: hora de harmonizar

Com o pão pronto, é hora de preparar a carne, acompanhada de salada de tomate fresco, rúcula e gremolata.

– Para fazer a carne, uso somente pimenta do reino moída na hora e sal. Jogo na grelha e sirvo ao ponto. Já para a salada, recomendo cortar os tomates em cubos, sal, pimenta do reino, sumo de limão galego e azeite a gosto. Por fim, para a gremolata, pico salsinha bem pequena com raspas de limão siciliano, sal e pimenta do reino – orienta o chef Leo Abreu.

Para harmonizar essa receita, Leo indica a Cerveza Patagonia, especialmente com os estilos Amber Lager, que possui notas caramelizadas, e Weiss, com notas cítricas e leves.

A junção da comida, carne bruta, cerveja e experiências ao redor do fogo faz parte do programa Fuego & Cerveza, um projeto da marca cervejeira argentina que conecta a bebida com o universo da gastronomia, da produção artesanal e que nos convida a dar o próximo passo nas harmonizações. O programa conta com um hotsite recém lançado (cervezapatagonia.com.br/fuego-cerveza) que disponibilizará receitas e agenda de workshops com experts nesse assunto. Além disso, o Fuego & Cerveza começa em breve a treinar equipes de boutiques de carnes e supermercados no Sul do país para dar aquela força para quem não quer errar na combinação.

Conexão Argentina

Água, malte, levedura e lúpulo: a combinação desses ingredientes permite uma infinidade de sabores, intensidade, terroir e outras variações. E é com o lúpulo que começa a história entre Leo e a Cerveza Patagonia. Em meados de março, melhor época do ano para a colheita da flor, o chef e youtuber teve uma experiência única e exclusiva: foi até a Patagônia, precisamente na Chacra General Fernandez Oro, localizada em Cipoletti, província de Río Negro, para acompanhar a colheita de 2019. A Cerveza Patagonia, ícone local que é motivo de orgulho para os argentinos, é pioneira em abrir as portas ao turismo. O caminho percorrido até lá é tranquilo, e as paisagens da região não deixam a desejar em nenhum momento.

Música e gastronomia em um cenário paradisíaco

Atualmente, estão disponíveis no mercado três rótulos da Cerveza Patagonia: Bohemian Pilsener, Amber Lager e Weiss. A próxima experiência proporcionada pela cervejaria já tem data, local e horário definidos. O imperdível Circuito Patagonia chega na segunda edição propondo a união da gastronomia em volta do fogo, música e variados estilos de cerveja, tudo isso num cenário paradisíaco, às margens da Lagoa da Conceição, na Capital, no dia 25 de maio, a partir das 15h.

O evento, que vai passar por Floripa, Curitiba e Porto Alegre, reunirá amigos para uma experiência única, desde a entrada até o término – programado para às 22h. Logo na chegada, será feito o check in e cada visitante ganhará um vale chope e um copo personalizado. Um mini-truck da cervejaria estará servindo Bohemian Pilsener, Amber Lager e Weisse, além dos estilos Porter e Session IPA.

No comando do som estarão a banda NOAHS, Augusta Bon Vivant e DJ Denis Graeff. A gastronomia é assinada pelo renomado Bull Prime, de Curitiba, com parrilla como destaque.

O Circuito ainda vai contar com uma feira de produtos locais e um leque de peças oficiais da marca. Ao final do encontro, uma das novidades deste ano será o recolhimento das pulseiras de cada convidado, ação que tem como objetivo incentivar o descarte sustentável. Para quem quiser levar seus fiéis companheiros, o evento é pet friendly.

Os ingressos estão à venda no site www.circuitopatagonia.com.br, a partir de R$ 90. Neste ingresso está incluído um chope e um copo de vidro Patagonia. Há ainda a opção do ingresso Experiência Patagonia (para duas pessoas) que dará acesso exclusivo à festa, dois copos de vidro da Patagonia, dois bonés, dois vouchers de alimentação e cinco vale chopes: um de cada estilo. Esse ingresso custa R$ 320. Sócios do Clube NSC têm R$ 20 de desconto.

Serviço

Circuito Patagonia
Dia: 25/5, às 15h
Onde: Lagoa Iate Clube (Largo Hippólito do Valle Pereira, 620,Lagoa da Conceição, Florianópolis)
Desconto de R$ 20 para sócio do Clube NSC e acompanhante na compra do ingresso antecipado pelo site Blueticket.

 

Para ser sócio do Clube NSC, você deve assinar um dos jornais ou o NSC Total em Assine NSC. A partir de R$ 9,90 por mês na modalidade digital, você tem acesso a todo o conteúdo e tem direito a utilizar os descontos do Clube em festas, shows, restaurantes, cinema, educação, serviços e muito mais. Aproveite, os benefícios são ilimitados. Saiba mais em Clube NSC.