Cleo Pires se lança na carreira de cantora e divulga primeiro EP

Cleo
Cleo

A atriz Cleo Pires resolveu seguir os passos de seu pai, Fábio Jr., de seu irmão, Fiuk, e de seu padrasto, Orlando Morais: ela se lançou na carreira de cantora. Nesta segunda-feira, Cleo divulgou nas plataformas de streaming o EP Jungle Kid, que contém cinco faixas – três em inglês e duas em português.

Em seu projeto musical, ela assina seu nome como apenas Cleo, sem o sobrenome de sua mãe, a atriz Gloria Pires. Produzido por Guto Guerra, o EP traz canções com influências do pop internacional – Jungle Kid e Cloud, por exemplo, lembram Lana Del Rey –, mas também flerta com o pop brasileiro de Anitta e Pabllo Vittar nas faixas em português – Bandida e Faz o que Tem que Fazer.

No anúncio do EP no Instagram, Cleo comemorou: “Nasceu! Meu projeto do coração está no ar! Emoção de lançamento. Ainda iremos falar muito sobre ele”.

Cleo diz que música e paixão antiga

Em entrevista à coluna de Bruno Astuto, da revista Época, Cleo relatou que a música é paixão antiga que ela sempre quis explorar, mas não tinha tempo.

– Sempre amei cantar e tudo que é relacionado a música, porém, com os projetos na TV e cinema, não encontrava tempo para me dedicar como gostaria. Não quero me fechar num único gênero, não tenho um único estilo que desejo seguir. Todas as músicas estão sendo criadas a partir de textos meus – contou à publicação.

Ela também ressaltou na entrevista que não foi influenciada pela sonoridade de seu pai, irmão ou padrasto.

– As referências que eles me passaram foram muito mais voltadas para a paixão pela música e não num estilo em si. Fiz aulas de piano e violão, mas não segui adiante por causa da carreira de atriz. Mas minha vida foi sempre permeada por música – destacou.

Ouça o EP de Cleo:

Leia mais: