Coaching ou psicólogo? Saiba a diferença entre os profissionais

Auxilio em desenvolvimento pessoal ou autoconhecimento definem a decisão de a quem recorrer

Coaching é a profissão do momento e muitas pessoas estão buscando esse auxilio. A sociedade passou a exigir dos líderes muito mais do que propriamente questões técnicas, quando se torna necessário ter mais traquejo e inteligência emocional.

Nesse cenário, o coaching tem se destacado por trazer conteúdos para esses líderes, que foram preparados em universidades através técnica, para atuarem em espaços que vão precisar de outras habilidades.

De acordo com Giulianna Remo, especialista em psicologia organizacional e proprietária do site Online Psicologia, esse profissional ajuda a desenvolver projetos e se dá pela experiência de estudiosos que criam estratégias que, colocadas em prática na hora certa, são funcionais.

— Nesses casos a pessoa já chega com um objetivo, por exemplo “eu quero vencer minha dificuldade em falar em público”. Então essa pessoa precisa de um guia de passos, que a faça superar suas dificuldades e alcançar esse sucesso.

Giulianna Remor, responsável pelo site Online Psicologia

A psicóloga Juliana Leite também define o coaching como um apoio estratégico, com sessões em que são estabelecidas metas, ações e um prazo para o este cumprimento.

— Acredito que hoje nos encontramos em uma sociedade que busca seu desenvolvimento e crescimento profissional em um tempo recorde, e o profissional do Coach visa estes atalhos.

Pontuado pelas duas especialistas, o coaching tem prazo definido para alcançar um objetivo. Já a psicoterapia vai atuar em outra esfera, no autoconhecimento.

Psicologia não te entrega um passo-a-passo pronto

— A psicoterapia pode auxiliar na eliminação ou no controle de sintomas que possam prejudicar nossa vida, seja com pensamentos ou comportamentos.  Ela irá promover a saúde mental de forma que o paciente consiga administrar satisfatoriamente os aspectos que lhe incomodam no dia-a-dia. Já o coaching é focado em um ou mais objetivos específicos. – Explica Juliana.

Juliana Leite define as diferenças entre psicólogo e coaching

Já a psicóloga organizacional destaca que um profissional não anula o outro, e que a terapia pode ser feita conjuntamente com um processo de coaching e por outro profissional desta área. Para Giulianna, o que difere é a ciência por trás do tratamento.

— A psicoterapia é baseada em ciência, em teorias, com técnicas e tipos de abordagens que se provam eficientes. É uma gama de questões subjetivas que te leva ao autoconhecimento, e, consequentemente, te leva a melhorar em diversas áreas e principalmente atingir uma qualidade melhor de vida.

A quem recorrer

Ter uma definição clara da sua necessidade pode auxiliar no momento de decidir qual profissional precisa buscar. Além do alerta feito por Juliana, que destaca o profissionalismo e ética de cada área para encaminhar a pessoa quando identificada que se encontra erroneamente no espaço do Coach ou psicólogo.

Entretanto, há outro motivo que precisa ser avaliado antes de agendar uma sessão: você decidiu pelo coaching por qual motivo?

— Ainda há na sociedade o pensamento de que quem procura um psicólogo ou terapeuta é mentalmente instável, afirma Juliana.

A psicóloga Giulianna pontua que as pessoas não buscam pelo psicólogo por medo de “mexer com seus entraves e as suas feridas”.

— A barreira maior é estar disposto a não simplesmente ir lá na farmácia, buscar o remédio e dormir. É voltar atrás, é rever os atos, se autocriticar, se conhecer melhor, se arrepender de algumas coisas e aprender com aquilo. Acho que essa é a parte mais difícil.