Confira os benefícios de uma alimentação low carb

No último fim de semana, a Capital catarinense recebeu a primeira edição do Floripa LowCarb

low carb
Foto: Pexels/Banco de dados

O desejo das pessoas é ter uma boa relação com a comida, manter um peso saudável e levar uma vida com maior qualidade e saúde. Mas para muitos, ainda é um desafio encontrar esse equilíbrio na alimentação.

Nessa busca por comer melhor, surgiu a proposta da alimentação low carb, que segundo a nutricionista Polyana Freitas, especialista nessa proposta, nada mais é que uma estratégia alimentar baseada em comida de verdade, com uma determinada restrição de carboidratos, seguindo a teoria evolutiva e vários estudos da atualidade (MBE– medicina baseada em evidências).

Leia também: Dica de panqueca low carb para comer sem culpa

Com o objetivo de posicionar a alimentação low carb entre as estratégias de saúde disponíveis para pacientes nos hospitais e propagar seus benefícios para todos que desejam aderir a uma alimentação saudável, foi realizado, no último fim de semana, na Capital catarinense, a primeira edição do Floripa LowCarb. O evento foi promovido por Mariana Bastian, que organizou o seminário ao lado da mãe, a nutricionista Mari Abreu, e o marido, o médico do aparelho digestivo Carlos Bastian. Quem esteve presente participou de um seminário com programação de palestras e também um workshop – que apresentou estratégias práticas de como aplicar a alimentação low carb no dia a dia. O evento trouxe a Florianópolis nomes que são referência na área, entre eles, os médicos José Resende Barros Neto e José Carlos Souto – presidente da Associação Brasileira LowCarb (ABLC) –, a nutricionista Polyana Freitas e Felipe Tuono.

De acordo com os palestrantes do evento, vários benefícios podem ser obtidos com alimentação low carb: dentre eles uma maior sensação de bem-estar e disposição que vão além do emagrecimento. Estudos associam esse tipo de alimentação ao tratamento do diabetes, síndrome metabólica, alergias alimentares, síndrome dos ovários policísticos, dentre outras.

Conversamos com a nutricionista Polyana Freitas que nos trouxe dicas importantes para quem deseja começar esse estilo de vida ou que gostaria de entender melhor a proposta e saber se a mesma se adequa ao seu perfil. Segundo Polyana, a alimentação low carb pode ser aplicada a todas as pessoas, com os devidos ajustes, pois é completa nutricionalmente, contando com alimentos de alta qualidade nutricional e com um perfil anti-inflamatório, podendo ser utilizada em longo prazo, aliada a um estilo de vida saudável.

Dicas da nutricionista Polyana Freitas para quem quer começar a aplicar alguns conceitos da alimentação low carb:

1 – Priorize alimentos minimamente processados (comida de verdade);
2 – Coma quando tiver fome;
3 – Alimentos selecionados para a base da low carb:
todas as carnes, ovos, vegetais, castanhas, queijos, iogurte natural, frutas menos doces;
4 – Use gorduras naturais: azeite de oliva, banha de porco, manteiga, óleo de coco;
5 – Evite o açúcar na rotina diária;
6 – Procure um profissional para adequar as quantidades alimentares.

 

Leia mais:

Roberta Dalsenter: André, nutrichef de Florianópolis, ensina um cardápio low carb

Dieta pegana: como é o novo regime que combina duas restrições alimentares