Xô, furinhos! Dermatologista dá dicas para prevenir ou tratar a celulite

Foto: Pixabay

A celulite afeta cerca de 95% das mulheres. Segundo a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), os famosos furinhos na pele começam a surgir logo após a puberdade e se tornam uma das principais queixas estéticas de grande parte do público feminino.

Por causa da influência do estrógeno, o hormônio feminino, a celulite tende a aparecer mais frequentemente na região dos quadris, coxas e nádegas. Em alguns casos, também podem surgir nas mamas, parte inferior do abdome, braços e até mesmo na nuca.

Existem inúmeros fatores que podem contribuir para o surgimento desses furinhos. A dermatologista Renata Sitonio dá dicas para minimizar o aspecto que incomoda bastante gente. Confira:

O combo clássico dieta equilibrada e hábitos de vida saudáveis, com a prática de atividades físicas, podem ser um bom começo para prevenir ou tratar a celulite.

Quem quer intensificar o tratamento, há muitos procedimentos estéticos que podem apresentar uma melhora imediata, como a radiofrequência e os bioestimuladores, que não só tratam a celulite, mas também ajudam na flacidez.

Segundo Renata Sitonio, os bioestimuladores são substâncias injetáveis que prometem ativar as células (fibroblastos) que são responsáveis pela produção de colágeno. Não se trata da aplicação do colágeno, mas sim da estimulação da produção do próprio colágeno, o que devolve de forma natural o aspecto jovial da pele. No corpo, esse tratamento pode ser realizado para celulite, mas também para flacidez das coxas, abdômen, bumbum e braços.

– Essas substâncias são eficazes no tratamento da celulite, da flacidez na barriga, principalmente após uma lipoaspiração, quando a barriga fica um pouco flácida, ou até mesmo após uma gestação, por exemplo. Outra indicação muito interessante é a melhora da flacidez e celulite dos braços, que, principalmente nas mulheres, é difícil melhorar somente com musculação – ressalta a dermatologista.

Leia também: 

Verão exige cuidados com a saúde íntima. Saiba como se proteger

Conheça o Vanquish, o novo tratamento para acabar com a gordura localizada

Extensão de cílios X lifting: tire suas dúvidas