VÍDEO: Fernanda Lima faz discurso feminista na abertura de “Amor e sexo” e viraliza na internet

Apresentadora diz que mulheres precisam lutar contra as "engrenagens do sistema de opressão"

Fernanda Lima
Foto: TV Globo/Reprodução

Um discurso proferido durante o programa Amor e Sexo, da Rede Globo, na noite desta terça-feira, continua sendo assunto nas redes sociais nesta quarta (7). A apresentadora Fernanda Lima fez um texto em que defende a luta das mulheres em seu papel diante da sociedade e que é preciso sabotar “as engrenagens do sistema de opressão”.

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

PREPAREM-SE

Uma publicação compartilhada por Monica Iozzi (@monica.iozzi) em


Ao dizer que as mulheres devem se unir contra o sistema “homofóbico, racista, patriarcal, machista e misógino”, milhares de usuários viram a manifestação como uma crítica da apresentadora ao presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL):

— Chamam de louca a mulher que desafia as regras e não se conforma. Chamam de louca a mulher cheia de erotismo, vida e tesão. Chamam de louca a mulher que resiste. Chamam de louca a mulher que diz sim e que diz não. Não importa o que façamos, nos chamam de louca. Se levamos a fama, vamos sim deitar na cama, vamos sabotar as engrenagens deste sistema de opressão. Vamos sabotar as engrenagens desse sistema homofóbico, racista, patriarcal, machista e misógino. Vamos jogar na fogueira as camisas de força da submissão, da tirania e da repressão. Vamos libertar todas nós! E todos vocês! Nossa luta está apenas começando, prepare-se porque esta revolução não tem volta. Vamos sabotar tudo isso? — convidou a apresentadora.

No Twitter, o termo “Fernanda” recebeu mais de 100 mil menções, dividindo-se entre críticas e elogios sobre sua postura.

 

Famosas defendem discurso feminista de Fernanda Lima