Homens sofrem de depressão pós-parto?

Foto Joe Roberts/Divulgação

Dr. Domingos Mantelli, ginecologista e obstetra autor do livro “Gestação: mitos e verdades sob o olhar do obstetra”, esclarece alguns mitos e verdades sobre os homens. Veja:

– Homens que desejam ser pais precisam de suplementos de ácido fólico?

Mito: Homens que querem ser pais não precisam ingerir ácido fólico, mas devem incluir na dieta suas fontes naturais como brócolis e espinafre. As cápsulas dessa vitamina do complexo B são indicadas apenas para as mulheres que desejam ser mães. O suplemento é essencial para prevenir malformação fetal, principalmente nas primeiras semanas de gravidez, quando se forma o tubo neural do bebê.

– Homes e mulheres vegetarianos precisam rever as regras alimentares quando decidirem ter filhos?

Verdade:  O ideal é procurar um médico e um nutricionista para avaliar a situação. Pode ser necessário compensar a carência de alguns nutrientes.

– Homens podem ter depressão pós-parto?

Verdade: Embora não seja tão frequente, a depressão pós-parto em homens também pode ocorrer. Diferentemente das mulheres, cuja oscilação de humor é causada, na maioria das vezes, por alterações fisiológicas e hormonais na gravidez, a ocorrência desse tipo de depressão nos pais está ligada a questões e situações psicológicas. O homem pode sentir certo isolamento após o nascimento do bebê, pois toda a atenção é direcionada para o recém-nascido, o que faz com que alguns pais se sintam esquecidos. O afastamento sexual do casal também pode ser uma das causas dessa depressão.

– Se o resultado da coleta de espermatozoides do marido vem acima do normal, aumentam as chances de a mulher engravidar de gêmeos?

Mito: As chances de haver concepção de gêmeos depende de fatores genéticos e congênitos. Independentemente da quantidade de espermatozoides que o homem produz, normalmente apenas um deles fecunda o óvulo.

– É recomendável que o futuro papai consuma grande quantidade de vitamina A antes da fecundação, caso apresente deficiência dessa vitamina?

Verdade: A vitamina A encontra no leite, ovos e fígado, influenciam na produção e na resistência dos espermatozoides, tendo efeito direto nas chances de haver fecundação. No entanto, o consumo precisa ser equilibrado, pois o consumo em excesso pode ser tóxico para o organismo. A suplementação de vitamina A para o homem, no período pré-gravidez deve ser prescrita pelo médico, devendo ser feita somente se houver alguma deficiência da vitamina, devendo ser diagnosticada por exames.

 

Leia mais:
Depressão na gestação impacta na saúde mental dos bebês, diz estudo
Qual a causa da depressão?
Hiperconectividade pode afetar convívio social, aumentar solidão e levar à depressão na adolescência