Guia de leitura: 22 livros catarinenses contemporâneos para ler

Foto: Syd Wachs on Unsplash / Divulgação

Dada a importância de aproximar a produção literária do Estado aos próprios catarinenses e de ajudar estes autores que resistem e insistem em escrever, listamos 22 obras catarinenses para começar a ler. Confira:

Aguardo, Gregory Haertel (Romance)

Ascensão, Dirce Waltrick do Amarante (Contos)

Carne falsa, Patrícia Galelli (contos)

Cartas para Frankenberger, Carmen Marangoni (Crônicas)

Código 1 – Crônicas de Plantão, Hang Ferrero (Crônicas)

Gado novo, Guille Thomazi (romance)

Guia literário para machos, Caléu Nilson de Moraes (Contos)

Labirinto de nomes, de Elyandria Silva (crônica)

Modos inacabados de morrer, André Timm (romance)

Nem romeu, nem Julieta, Marinaldo de Silva e Silva (romance)

Notas mínimas, Katherine Funke (contos)

Os abraços perdidos, João Chiodini (romance)

O livro do espanto, Priscila Costa Lopes (contos)

O abismo entre nós, Cristina Vasquez (romance)

Persona, Melanie Peter (Contos)

Spleen, Méroli Habitzreuter (poesia)

Trapaça, de Marcelo Labes (poesia)

Todo maldito santo dia, Paulino Jr (Contos)

Tua roupa em outros quartos, Antonio Pokriewicki (romance)

Um gato chamado Borges, Vilto Reis (Contos)

Van Ella Citron, Bruna Sofia Morsch (romance)

Vitória, Giovanni Arceno (romance)

Leia mais:

Escritores em SC: dores e delícias de quem estreou nos últimos 10 anos

Marcos Piangers: escrever com o coração sempre me deixou amedrontado