Inglês: cursos oferecem inovação e até 50% de desconto pelo Clube NSC

Curso de Inglês
Curso de Inglês

Pais que desejam que seus pequenos cresçam tendo o inglês como segunda língua. Profissionais que trabalham em empresas exigentes na fluência do idioma. Estudantes que precisam de exames de proficiência para se instruírem no exterior. Ou, ainda, avós que desejam visitar os filhos e netos que moram em outros países… seja qual for o objetivo, ter fluência na língua mais falada do mundo é uma necessidade atualmente. E sócios do Clube NSC podem estudar inglês com descontos de até 50% nas escolas de idiomas parceiras em Santa Catarina.

Com a junção entre metodologias inovadoras e tecnologia, as escolas oferecem atrativos para os alunos que buscam aprender outra língua. Mesmo em salas de aula tradicionais, as novidades vêm para incrementar os estudos dentro e fora das escolas, além de propor novas experiências. Na Wizard, por exemplo, a novidade mais recente é o Wiz.Me, um aplicativo recém-lançado que funciona como uma espécie de assistente pessoal. Entre as funcionalidades estão avaliação e feedback sobre a pronúncia, lembretes sobre a rotina de estudos e exercícios personalizados de acordo com as facilidades e dificuldades do aluno.
– Ele vai poder baixar o aplicativo e ficar conectado com as aulas. É uma ferramenta que vem com tudo para ajudá-lo a lembrar quando e o quê estudar — explica Renata Bottós, coordenadora pedagógica da Wizard em Florianópolis.

A escola também tem em seu material didático uma caneta que, quando passada sobre uma
palavra em inglês, faz a leitura da mesma. Para Renata, as novas tecnologias são importantes para incentivar o aluno a focar não só quando está na escola, mas também em casa.
— Muitos vêm só para aula e acham suficiente. Para quem tem facilidade, é mais tranquilo. Mas é necessário ter um cronograma de estudos e colocá-lo em prática, senão, não vai aprender, ou vai esquecer depois. No Brasil como um todo, poucos têm a cultura de estudar em casa. A gente recomenda que os alunos dos cursos de inglês tenham pelo menos uma hora de dedicação por dia para aprender a falar de maneira fluente e da maneira mais correta possível – complementa a coordenadora pedagógica.

Já a Escola Rockfeller, de Blumenau, tem um método totalmente voltado para a prática da conversação em sala de aula, cuja tecnologia ajuda a completar o aprendizado tradicional. O aluno tem acesso a um conteúdo online com exercícios extras, áudios e explicações de gramática antes de ir para a aula de inglês – assim, tem um aproveitamento melhor do tempo em sala para a prática. Os professores ainda dispõem de TVs digitais e interativas, ferramentas que ajudam a tornar o ensino mais dinâmico e aumentar a interatividade.

Foto: Leo Munhoz

Flexibilidade dos cursos de inglês atrai adultos 

Além do modelo de aula tradicional – aquele com horário fixo, um professor e todos os alunos no mesmo nível de conhecimento – as escolas oferecem opções para quem precisa de flexibilidade. Na Winds, de Joinville, quem quiser pode estudar no próprio ritmo, escolhendo os melhores dias e horários e ainda acelerar ou pausar o processo. Ao invés de completar o curso em dois anos e meio, que é a duração regular, o aluno pode de finalizar os estudos no tempo que preferir. Saiba mais sobre os métodos e os descontos dos cursos parceiros:

Wizard
A Wizard oferece duas experiências de aprendizado diferentes. A Connections é o modelo clássico de sala de aula, com foco na socialização entre alunos – todos devem estar no mesmo momento de aprendizagem. Já na Interactive, o próprio aluno dita o ritmo do seu aprendizado e, com a ajuda de um tablet, tem momentos de autoestudo. Há interação com o professor e com colegas, mas eles não precisam estar no mesmo nível de inglês.
– Muitas vezes os alunos chegam e querem o modelo mais tradicional porque é esse que eles conhecem. Mas há casos em que não conseguem conciliar a aula com o horário de trabalho, por exemplo. Então, depois de um bate-papo, sugerimos o Interactive para que ele não perca aulas. Também é possível começar os estudos em qualquer época do ano – explica a coordenadora pedagógica Renata Bottós.
Sócios têm 20% de desconto no valor da matrícula e nas mensalidades.
Disponível em 10 cidades. Confira todos os endereços e telefones das unidades parceiras no site do Clube NSC
(www.clubedoassinanterbs.com.br).

Rockfeller
O curso completo para adultos dura dois anos e meio, com duas aulas por semana. O método é voltado para a conversação desde o primeiro dia de aula e as salas abrigam no máximo oito alunos, nivelados por conhecimento prévio na língua e faixa etária. Há ainda aulas gratuitas de conversação, reforço gramatical e suporte individualizado para quem precisar revisar, tirar dúvidas ou focar em algum conteúdo.
Sócios têm 25% de desconto para cursos regulares (VIP não contemplado, contrato mínimo de três semestres).
Alameda Rio Branco, 493, Jardim Blumenau, Blumenau – (47) 3037-3008.

Winds
O material didático da Winds foi criado por fonoaudiólogos americanos. Com metodologia própria, a escola aposta no aprendizado baseado na mesma forma com a qual o aluno aprendeu a língua materna – primeiro ele ouve, depois entende, fala, lê e escreve. O curso tradicional é completado em dois anos e meio.
Sócios têm 50% de desconto nas mensalidades do curso em turma.
Rua Orestes Guimarães, 216, Centro, Joinville – (47) 3026-2006.

Quem é sócio do Clube NSC pode incluir até quatro dependentes na mesma assinatura, mediante o pagamento da taxa mensal de R$ 4 por pessoa. Para isso, basta entrar em contato com a Central do Assinante do seu jornal. Feito isso, se a opção do titular for matricular seus dependentes nos cursos parceiros, ele pode fazê-lo enquanto a assinatura estiver ativa.

Leia mais:
Desempregado? Veja sete dicas para conseguir um novo emprego

Profissões do futuro: conheça as áreas que estarão em alta e estude com até 40% de desconto

Yoga: prática milenar tem vertentes para todos os gostos e é uma aliada no equilíbrio entre corpo e mente