Jota Quest apresenta show acústico neste sábado em Jaraguá do Sul

Sócio e acompanhante do Clube NSC têm desconto de 20% na compra do ingresso antecipado no site Blueticket

Jota Quest é uma das atrações (Foto: Jpsofranz/Divulgação)

Com 22 anos de sucesso e muita história para contar, banda Jota Quest traz a Jaraguá do Sul, neste sábado, o show Acústico Jota Quest – Músicas Para Cantar Junto, que repassa os grandes clássicos do grupo em versões acústicas inéditas, incluindo novas canções compostas especialmente para o projeto. Morrer de Amor, uma das inéditas deste novo trabalho, fechou o mês de setembro entre as três músicas mais tocadas na lista da Billboard Brasil.

Com mesma formação desde sua criação, em meados dos anos 90, o Jota Quest de Rogério Flausino (voz), Marco Túlio Lara (Guitarra), PJ (baixo), Paulinho Fonseca (bateria) e Márcio Buzelin (teclados), promete uma emocionante experiência ao público de Jaraguá do Sul para brindar a excelente fase.

Por e-mail o vocalista Rogério Flausino respondeu algumas perguntas para a Revista Versar sobre o projeto acústico, as parcerias musicais e os próximos passos da banda. Confira:

 

Esse é o primeiro acústico da banda. Depois de um ano na estrada com ele, como avaliam a resposta do público para esse trabalho?

Estamos muito felizes com o resultado. Está sendo surpreendentemente positivo. O Acústico é uma novidade em nossa trajetória, mas não deixa de ser também um projeto comemorativo. São mais de 22 anos de sucessos apresentados ao público de uma forma nova, mais intimista e emocional. Nós nos redescobrimos com o acústico. O álbum já é Disco de Ouro, e estamos próximos a completar 150 milhões de views e plays das faixas e vídeos no ambiente digital. Acho que estamos vivendo os tais “dias melhores”.

Leia também: Alexandre Pires grava DVD em Floripa e afirma: “O público de SC é muito quente”

Como foi a escolha de repertório para este projeto?

Apesar de inédito, o acústico é também um álbum de revisão de nossa obra. Então decidimos que a maior parte do repertório, uns 80%, deveria ser mesmo composto pelos grandes hits, de todas as fases da carreira, e que ganhariam agora, pela primeira vez, uma versão acústica. O restante, dividimos entre inéditas e lados-b. As músicas mais dançantes deveriam continuar dançantes, e as canções do coração seguiriam para um caminho para torná-las ainda mais sensíveis e delicadas. Está lindo o show. Estão presentes todos os nossos grandes sucessos: Dias Melhores, Amor Maior, Só Hoje, O Vento, Fácil, O Vento, Do Seu Lado, O Sol, Vem Andar Comigo, As Dores Do Mundo, Encontrar Alguém, Na Moral, e também hits mais recentes como Dentro de um Abraço, Blecaute e Mandou Bem, todas repaginadas para o formato acústico e além das inéditas Pra Quando Você Se Lembrar de Mim, Você Precisa de Alguém e o atual single Morrer de Amor. O mais bacana está sendo poder sentir a galera cantando todas junto com a gente.

 

Com 20 anos de carreira, o que ainda falta conquistar?

Acho que a nossa própria existência, ou resistência, ao tempo e às mudanças, já são, em si, uma grande conquista. Apesar de tantos anos juntos, acho que  mudamos muito pouco no que diz respeito aos nossos valores e objetivos. Continuamos firmes e fortes no propósito de fazer tudo o mais bem feito possível e a querer agradar a maior parte da rapaziada, mesmo sabendo que isso é praticamente impossível. Já nos quesitos técnicos e artísticos, sonoros ou de composição, acho que seguimos evoluindo. Acho que compor, gravar, e tocar ao vivo, são partes do processo onde sempre se pode melhorar. Mas, para isso, é preciso estar sempre dedicado e focado, e trabalhar firme.

 

As músicas do Jota Quest marcaram e ainda marcam a vida de várias pessoas. Qual é a sensação de estar tão presente na vida dos fãs?

A sensação é muito boa. E de muita gratidão também. As canções que reunimos ao longo de nossa caminhada, são também a nossa história de vida. Colocamos a nossas vidas e os nossos corações nestas canções, e entender que elas fazem sentido pras pessoas também, é algo fantástico. É o ápice da conquista que alguém que decide se entregar a esta nossa profissão poderia esperar e sonhar. Só temos a agradecer a todos que nos ajudaram a chegar até aqui.

 

E qual a música do repertório de vocês é mais marcante para banda?

É muito difícil escolher seu filho predileto. Existem muitas emoções diferentes relacionadas a cada canção. Cada uma representa uma fase. Vou tentar destacar algumas: Encontrar Alguém o 1º sucesso; Fácil a 1ª canção de violão; Dias Melhores a 1ª canção pacifista; Só Hoje nosso grande hit-romântico… são muitas emoções!! Kkk

 

As parcerias desse novo trabalho também deram super certo. Como foi trabalhar com Marcelo Falcão e Milton Nascimento?

Gravar com Milton e Falcão foi um presente pra nossa carreira. São dois artistas que sempre nos inspiraram e estar com eles valorizou muito o projeto. Milton cantou com a gente a clássica O Sol, que ficou muito emocionante; e o Falcão nos presenteou com a canção Você Precisa de Alguém forte e intensa como já era de se esperar. Fazem parte também do Acústico novas parcerias em canções inéditas como em Morrer de Amor, parceria com Alexandre Carlo, do Natiruts; e o single Pra Quando Você Se Lembrar de Mim (do Wilson Sideral) que estão bombadas nas rádios. Acho que acertamos muito em estar com estes parceiros incríveis.

 

Alguma parceria que a banda gostaria de fazer, mas que ainda não teve oportunidade?

As parcerias são muito importantes, principalmente quando você realmente tem alguma relação artística com a obra do parceiro em questão. É uma possibilidade incrível de aprender e se reciclar e ainda de compartilhar os fãs de ambos os artistas. Se algum dia nos depararmos com alguma canção que nos motive a participar e/ou convidar alguém de outro seguimento, o faremos sem pestanejar, e logo a gente volta aqui pra contar.

 

Quais os próximos projetos da banda?

Estamos curtindo muito esta fase Acústica. A turnê acaba de completar um ano e achamos que ainda temos muitos lugares pra passar e/ou retornar com este show. Em novembro vamos a Portugal e em fevereiro para os Estados Unidos. Estamos muito animados também com a possibilidade de irmos lançando EPs digitais, com duas faixas cada, ainda na vibe do Acústico, com as faixas que ficaram de fora do repertório do DVD. O 1º já lançamos em maio, e o segundo está a caminho. Esperamos lançar mais alguns EPs que podem incluir inclusive canções inéditas! Mas sobre um novo disco ou projeto, ainda não temos nada de concreto.

 

Serviço

Jota Quest Acústico

13/10, 19h

Quanto: A partir de R$ 176. Desconto de 20% para sócio do Clube NSC e acompanhante na compra do ingresso antecipado no site Blueticket.

Local: Teatro Scar (Rua Jorge Czerniewicz, 160, Czerniewicz, Jaraguá do Sul)