Luana Piovani minimiza reações contra assédio: “Acho um certo exagero”

Atriz comentou que se fosse homem teria medo de conversar com uma mulher

Foto: Youtube / Reprodução

Uma série de vídeos publicados por Luana Piovani está dando o que falar. Em seu canal no Youtube chamado  Luana Sem Freio, a atriz falou sobre assédio e como enxerga o machismo e situações relacionadas à questão.

Luana revelou que não se incomoda em ser assediada e ainda falou que se fosse homem teria medo de se aproximar de uma mulher.

– Existem mil tipos de assédio, mas confesso que não sou alguém que me incomodo muito com assédio, desde que não me toque. Inclusive, se a pessoa demorasse muito a entender, eu ia mesmo e assediava, nunca vi isso como problema – comentou ela, ao falar sobre casos de paquera.

– Claro, a gente deu voz a muita gente que era assediada de maneira terrível e cruel. Acho isso superimportante! Mas acho um certo exagero o que tá rolando em relação a assédio. Inclusive, eu, se fosse homem, ia tá com medo de conversar com mulher. Por isso que está todo mundo usando o tal do aplicativo, o que eu acho terrível. Não tem nada melhor do que paquerar, essa é a parte melhor parte de ser solteira – opinou.

Os dois vídeos são ambientados em um bar e além de Luana, outras mulheres comentam o assunto.  Ela aproveitou para defender a liberdade da mulher.

– Sempre fui da balada, mas sempre fui de me defender, porque realmente homem é folgado. Acho que as pessoas tem um pouco de medo de mim por saberem que eu sou reativa e isso acaba me protegendo um pouco – disse.

Leia também:

Luana Piovani deixa sua casa no Rio para morar em Portugal: “O Brasil não oferece dignidade”