Mãe e filha de Chapecó perdem jogo no Caldeirão do Huck, mas ganham apelo por ajuda

Foto Reprodução

O quadro The Wall, do Caldeirão do Huck, foi emocionante na tarde deste sábado, dia 11 de maio, véspera do Dia das Mães. A mãe Lenira e afilha Paula participaram do programa buscando verbas para projeto social na cidade de Chapecó, Oeste de Santa Catarina, chamado Alimentando Vidas Chapecó.

Até as últimas bolas vermelhas a dupla somava mais de R$ 88 mil. Porém, na última jogada, a bola vermelha caiu nos R$ 150 mil. A disputa ainda tinha uma esperança: que a filha Paula, que estava respondendo às perguntas, tivesse assinado o contrato, garantindo cerca de R$ 25 mil. Porém, ela rasgou, saindo do The Wall sem o sonho do dinheiro.

 

Para apoiar o projeto, o apresentador fez apelou para que as pessoas buscassem pelo Alimentando Vidas Chapecó nas redes sociais e dessem sua contribuição. No canal do Instagram, elas contam um pouco sobre o trabalho desenvolvido e deixam o link para uma vaquinha online que busca alimentos para crianças do Haiti. 

Leia mais:
Casal de Itajaí participa do The Wall do Caldeirão do Huck e ganha R$ 88 mil
Cafeteria Especial, de Blumenau, perde jogo no Caldeirão do Huck, mas ganha apoio em vaquinha virtual