Aos 81 anos, morre a cantora e compositora Miúcha

Irmã de Chico Buarque lutava contra um câncer

Foto: Reprodução / Facebook

A cantora Miúcha morreu no fim da tarde desta quinta-feira (27), no Rio de Janeiro. Irmã de Chico Buarque, a cantora lutava contra um câncer e foi internada às pressas, mas sofreu uma parada respiratória. Ela tinha 81 anos e é filha do jornalista Sérgio Buarque de Holanda e da pintora e pianista Maria Amélia Cesário Alvim.

Miúcha, apelido de Heloisa Maria Buarque de Holanda, lançou 14 álbuns ao longo de seus 40 anos de carreira.

Na década de 1960, a carioca estudou História da Arte em Paris e, anos depois, foi apresentada a João Gilberto em Roma pela cantora chilena Violeta Parra. João e Heloísa se casaram e a união durou oito anos, em período que tiveram uma filha, a cantora Bebel Gilberto.

A mulher nascida na capital fluminense iniciou sua carreira artística em 1975, cantando ao lado do marido e de Stan Getz no disco The Best of Two Worlds. Os trabalhos mais marcantes da artista são dois discos gravados com Tom Jobim, em 1977 e 1979, e um álbum solo, Miúcha, em 1989.

Pela Luz dos Olhos Teus, composta por Vinícius de Moraes, foi uma das canções gravadas em uma parceria entre Jobim e Miúcha. Em 2003, a artista lançou o disco Miúcha canta Vinicius & Vinicius – Música e Letra, em comemoração aos 90 anos de Moraes.

Leia também: