Banda curitibana Mulamba é segunda atração confirmada no Psicodália 2019

O grupo, composto por seis mulheres, defende o empoderamento feminino em suas canções

mulamba
Foto: Luciano Meirelles/Divulgação

A banda curitibana Mulamba volta ao Psicodália em 2019 para mostrar sua sonoridade que mescla força e poesia, unindo influências que vão do rock à música erudita. O grupo, composto por seis mulheres com vozes dissonantes, cantando letras que saem das entranhas e expressam poeticamente o que o universo feminino tem a dizer, é a segunda atração confirmada da 22ª edição do Psicodália. A primeira foi Elza Soares. O evento acontece de 1° a 6 de março de 2019, em Rio Negrinho (SC), e o primeiro lote de ingresso está à venda.

Uma das principais características do grupo, que está se preparando para lançar o primeiro álbum em novembro, é a contundência para defender a igualdade de gênero. O sexteto começou a se destacar após a boa repercussão dos vídeos das canções P.U.T.A. (que já ultrapassou 2 milhões de visualizações no YouTube) e Mulamba (que se tornou um dos hinos do empoderamento feminino), ambos lançados em 2017.

Porém, a ênfase do empoderamento em suas músicas não quer dizer que o grupo se prende a uma única temática. Ao contrário, procura abordar também outras questões sociais e políticas nas composições. Mulamba quer representar um grito de vozes silenciadas.

Ingressos

O primeiro lote de ingressos para o Psicodália 2019 estará à venda a partir deste sábado, 18 de agosto.

Leia mais:

15 músicas poderosas sobre como é ser mulher