Cafés e doces com detalhes em ouro são novidade em cafeteria de SC

A novidade chama atenção pela beleza e por ter um preço acessível

café du centre
Foto Divulgação

Seguindo uma tendência em alta nos Estados Unidos, Europa e Dubai, de usar ouro não apenas nas joias mas também na gastronomia, uma rede de bistrôs de Santa Catarina acaba de lançar uma linha de pratos finalizados com gotículas do metal precioso e reluzente. A novidade chama atenção pela beleza e por ter um preço acessível, que varia entre R$ 15 e R$ 49.

As partículas comestíveis de ouro 23k são importadas pelas irmãs Paula e Bruna Vieira, fundadoras da rede Café du Centre, que nasceu em Itapema e  ganhou outras cidades como Balneário Camboriú e Florianópolis. A ideia de apresentar os pratos luxuosos foi para encantar ainda mais os clientes com uma experiência única e requintada, além de oferecer uma opção diferenciada às comemorações, já que o café costuma ser palco de celebrações como aniversários e até pedidos de casamento.

No cardápio existem três opções servidas com ouro. Todas as receitas utilizam 0,025 miligramas. O carro-chefe da casa, o croissant com nutella e nozes, ganhou as partículas douradas, assim como a taça de sorvete que traz um gateâu com nutella e morangos e ainda o tradicional café espresso também servido com um brilho especial.

café du centre
Foto Divulgação

Apesar de parecer novidade, o metal já foi usado na cozinha há milhares de anos. “Há 5 mil anos os egípcios acreditavam que o ouro era uma solução mágica, que proporcionava rejuvenescimento e cura de muitas doenças. O incrível é que os pesquisadores modernos chegaram as mesmas conclusões. Há muitas propriedades medicinais no metal, desde que seja usado em uma pequena quantidade. Reduz o estresse, a fadiga e a ansiedade, aumenta a capacidade de concentração, raciocínio e a energia vital. É afrodisíaco. E ainda retarda o envelhecimento da pele, combate artroses, artrites, reumatismos, a má circulação e melhora disfunções glandulares e digestivas”, conta Bruna.

café du centre
Foto Divulgação

Leia também:

Peças artesanais transformadas em obras de arte

Café em sachê chega como novidade para os amantes da bebida

Sem gênero e sem preconceito na arquitetura

Famosos prestigiam segundo torneio de pôquer de Neymar em Itapema