Papai Noel de Santa Catarina participa do Encontro com Fátima Bernardes

Papai Noel de SC
Foto: TV Globo/Divulgação

Nesta quinta-feira, a apresentadora Fátima Bernardes abriu o programa Encontro com a história do Papai Noel João Prim, de Santa Catarina, que ficou conhecido depois da foto em que aparece atendendo um menino autista no chão viralizar na internet.

Acompanhado da mãe do menino Vítor, Jussania Maria Tholl, o Papai Noel João, que faz mais de 1500 fotos com crianças por dia, contou como o registro com Vítor aconteceu.

— No momento que a mãe sentou ele na poltrona do meu lado, eu fui abraçar ele, mas ele não aceitou o abraço e foi escorregando. Eu pensei: ‘Vou fazer a mesma coisa’. Inclusive a nossa fotógrafa nem fez a foto, e eu nem sabia que alguém tinha feito o registro. Eu me surpreendi depois quando saiu nas redes.

Leia também:

Conheça a história do Papai Noel mais famoso de SC

Papai Noel deita no chão para atender menino autista em shopping de Santa Catarina

Emocionada, Jussania contou para a apresentadora que tem recebido mensagem de várias mães de crianças com autismo.

— Elas me parabenizaram muito pela coragem, já que muitas delas não tinham coragem de levar o filho no shopping. Porque eles se jogam no chão, eles gritam, e o Vítor sempre foi assim. Quando ele se deitava no chão do shopping, eu deixava. Eles têm o tempo deles. Mas eu sempre acalmava ele. Mas aquele dia foi diferente — destacou Jussania, que ficou surpresa com a proporção que as fotos, feitas pela irmã de Vítor, tomaram.

A atriz Kéfera Buchmann, uma das convidadas do programa, ressaltou a sensibilidade do Papai Noel João:

— Eu achei muito fofa sua atitude, é muito nobre da sua parte estar preparado para esse momento. Porque eu acho que o interessante e incluir todo mundo mesmo.

João também falou sobre sua trajetória como bom velhinho e reforçou a finalidade de seu trabalho como Papai Noel.

— São muitas oportunidades que eu tenho de mostrar para as pessoas e para as crianças bons valores e bons conselhos.

João que mantem a barba grande há 23 anos, começou a fazer ações como Papai Noel há 14 anos, como contou em entrevista para Revista Versar.

— Por nove anos eu fiz Papai Noel em Jaraguá do Sul, um trabalho voluntário, em creches, escolas e grupo de idosos. Cheguei a atender em dezembro 120 entidades, minha vida era uma loucura. Aqui no Shopping Itaguaçu este já é meu quinto ano.

Entenda o caso

Em 6 de dezembro, Jussania Maria Tholl compartilhou em seu perfil no Facebook fotos de seu filho Vítor, de 14 anos, sendo atendido no chão pelo Papai Noel do Shopping Itaguaçu, em Florianópolis.

“Esse é o papai noel é o mais lindo que já conheci , esse é meu filho Vítor ele é autista , e quando o Vítor se jogou no chão ele também se deitou no chão , 🎅 papai noel mais fofo que esse não existe”, escreveu a mãe, emocionada.

A mãe Vítor conta que costuma levar o filho todos os anos para ver o Papai Noel, mas que dessa vez ele não quis sentar ao lado do bom velhinho, que prontamente deitou no chão para acompanhar o garoto e fazer a foto.

— Na hora de sentar ele não quis sentar e escorregou para o chão, daí o Papai Noel falou: ‘se ele se jogou no chão, eu também vou ficar aqui com ele’.

Jussania postou a foto no Facebook como faz todos os anos e se surpreendeu com a repercussão, foram mais de 54 mil compartilhamentos.