Primavera: a estação das peras

peras
Foto: Murillo Saldanha/Divulgação

Ingrediente delicioso para o preparo de refeições e importante para uma vida mais saudável, a pera tem espécies de sabores e texturas diferentes, ótimas para usar a criatividade.

Pera Anjou verde: tem cor verde clara e não muda ao amadurecer. Seu sabor doce e suave é ideal para consumir in natura ou em saladas. Combinam com queijo tipo Camembert ou fresco de cabra e harmoniza com os vinhos Chardonnay e Pinot Gris.

Pera Anjou vermelha: tem sabor doce e suave, que combina com os queijos Gouda e Cheddar e harmoniza com os vinhos Syrah e Cabernet Sauviginon.

Pera Bartlett: quando amadurecem mudam da cor verde para o amarelo. São ótimas para o consumo em saladas, in natura e sobremesas. Seu sabor é realçado quando degustada com queijos azuis, como o Gorgonzola e Roquefort e o Feta de Cabra. Harmoniza com os vinhos Riesling e Prosecco.

Pera Comice: é doce e suculenta. Excelente para acompanhar queijos finos como o Brie e o de Cabra envelhecido. Harmoniza com os vinhos Chardonnay e Rieling.

Pera Bosc: tem cor café e formato de corpo alongado. A polpa é firme e doce e é uma ótima opção para decoração de pratos sofisticados. Para apreciar o seu sabor, combine com queijos azul ou o Cheddar, acompanhados dos vinhos Pinot Noir e Harvest Riesling.

 

Palmitos grelhados

Foto: Marisa Flores, divulgação

Assim que a primavera chega já começamos a mudar os nossos hábitos alimentares deixando para trás as comidas calóricas do inverno. Nos supermercados, encontramos o palmito pupunha em pedaços, que são ótimos para grelhar, hidratam o nosso corpo e são de fácil digestão. Para preparar, envolva o palmito inteiro em papel laminado e leve para assar. Após, corte o palmito ao meio e dê uma rápida grelhada. Tempere com alho, cebola picada e especiarias, regue bem com azeite de oliva e sirva.

 

Novos acadêmicos

Foto: Beto Barreiros

A Academia Catarinense de Gastronomia, presidida pelo médico Luiz Fernando De Vicenzi, entregou a medalha oficial para novos membros: Dr. Antônio Sbissa (foto), Ricardo Erig, Pedro Couto Júnior e eu. O jantar de comemorativo foi no Restaurante Mais Dois, do Chef Murilo Amorim, que serviu os pratos harmonizados com vinhos, que surpreendeu à todos. Durante o encontro, o acadêmico Isaías Fortkamp, fez um relato minucioso do roteiro gastronômico que fez com a esposa pela Europa, mostrando uma sequência de fotos dos pratos que provaram. A Academia tem sede em Paris, onde foi fundada há 80 anos. Anualmente ocorre um encontro mundial em um país previamente escolhido.

Leia mais:

Memórias do Box: o escritor que reflete a alma da Ilha

Pimenta para todos os paladares

Restaurante traz o sabor da Grécia em Florianópolis