Primeira série brasileira bilíngue voltada para surdos é filmada em Florianópolis

série
série

Florianópolis está recebendo a equipe de gravação da série Crisálida, primeira da TV brasileira bilíngue voltada para surdos. O trabalho será em Libra e português para que surdos e ouvintes consigam entender o conteúdo. O elenco é composto por atores surdos e intérpretes, como mostrou o Jornal do Almoço.

“Hoje, nós temos no Brasil 10 milhões de surdos e, se você sair na rua perguntando para as pessoas o que é Libras, tem muita gente que nem sabe que é uma língua oficializada no nosso país”, disse a produtora Alessandra da Rosa Pinho.

O piloto da série que foi lançado em 2015, traz a história de um garoto surdo que muda sua vida após aprender a língua de sinais. A repercussão deste primeiro trabalho foi tanta que a montagem recebeu várias premiações, como o de melhor montagem na Mostra Sesc de Cinema e o 1º lugar no Prêmio Catarinense de Cinema da Fundação Catarinense de Cultura.

“Esse episódio piloto teve um sucesso inesperado para nós, aonde um colega nosso, um amigo postou em um site de uma federação de inclusão de surdos e, em algumas horas, teve mais de 70 mil curtidas, 2 mil compartilhamentos e a gente viu que realmente tinha um potencial bastante grande”, afirmou o diretor Sérgio Melo.

Equipe

Crisálida está sendo gravada com uma equipe de mais de 200 integrantes, entre atores e equipe técnica, mas muitos não falam a língua de sinais, por isso, uma equipe de intérpretes auxilia na comunicação. Um consultor também orienta as gravações.

“Por exemplo, se tem uma equipe de atores ouvintes, como ele vai falar: ‘chama o João Gabriel’? Eu sou surdo. Então, a gente tem que tocar ou pisar no chão forte para sentir a vibração. Isso é próprio da cultura surda”, explicou o consultor João Gabriel.

O diretor de fotografia Edson Fattori nunca havia trabalhado com atores surdos. “É muito interessante, porque a equipe passa a ser mais silenciosa, a gente começa a se comunicar através de sinais, para o grito no set, todo mundo tem o foco mais apurado e passa a ter a visão mais apurada, uma das experiências que pra nós está sendo bem válida”, contou.

Os quatro primeiros episódios da série que estão sendo gravados em Florianópolis devem ficar prontos a partir de julho.

Leia também:
Tatiane Marafon: O “click” das relações