Projeto “Raízes – Um Piano na Amazônia” será lançado em Florianópolis

São dois shows da proposta desenvolvida pela pianista Carla Ruaro

Um Piano na Amazônia
Foto: Pâmela Hérpio/Divulgação

O público catarinense vai conhecer nesta semana o projeto Raízes – Um Piano na Amazônia, desenvolvido pela pianista Carla Ruaro, com direção artística e produção da cantora, compositora e bailarina Tatiana Cobbet. Serão dois dias para movimentar o cenário artístico local com esse projeto ousado, que já conquistou plateias em Lisboa (Portugal) e Londres (Inglaterra), onde foi apresentado no mês passado.

Nesta quinta-feira, dia 8, às 18h30min e com entrada franca, ocorrerá o lançamento do CD/DVD no Centro Integrado de Cultura (CIC). Já no dia seguinte, sexta-feira, 9, no Teatro Álvaro de Carvalho (TAC), haverá o espetáculo com a pianista e participação especial de Debora Remor da Silva (violino), Herlene Mattos (cello) e Gabriel Vieira (violino). As próximas apresentações serão em Porto Alegre (RS) e São Paulo (SP).

CD + FILME DOCUMENTÁRIO NA FLORESTA

Palco da maior biodiversidade em floresta tropical do planeta, a Amazônia é, consequentemente, um exuberante berço de sons naturais. Do canto dos pássaros às massas de ruídos selvagens, sua rica sonoridade inspira compositores contemporâneos locais, devidamente atentos aos novos modos de escuta da segunda metade do século XX.

Com o piloto Um piano na Amazônia, o projeto Raízes se propôs um mergulho no universo sonoro da Amazônia Brasileira, fomentado uma vigorosa demanda ecossocial ao reunir compositores, paisagens, paragens, comunidades, instituições, além de uma equipe talentosa, destemida e consistente.

Em 2017, de forma independente, a pianista Carla Ruaro reúne uma equipe de profissionais que aceita a parceria e, juntos, partem para seu primeiro desafio: içar o piano ao interior de um barco e percorrer o rio Arapiuns, no estado do Pará, dentro da reserva extrativista Tapajós-Arapiuns.

Da aquisição e transporte do instrumento às oficinas e apresentações para as comunidades ribeirinhas, o projeto articula ainda uma enorme gama de ações que fortalecem os laços locais e a autovalorização de comunidades e artistas, ao se verem sinceramente representadas pelo interesse e esforço da intérprete e sua equipe.

No interior da embarcação foram realizadas entre duas e quatro oficinas de piano por dia, quando mais de 1 mil crianças tiveram a oportunidade de assisti-las. Concertos foram realizados à noite, na beira do rio nas comunidades de Vila Franca, Tucumã, São Pedro, Mentai, Curi, Bom Futuro, São Francisco, Atodi, Vila Gorete, Vila Brasil, Lago da Praia, Urucureá e Alter do Chão.

O projeto piloto Um Piano na Amazônia iniciou com uma extensa pesquisa sobre os compositores contemporâneos e a cultura da região amazônica. Aproximando-se dos ambientes nos quais se inspiram, vivem ou viveram os compositores, o projeto afirma o propósito de imersão, propondo-se à investigação in loco das raízes dessa música.

O DVD

O documentário, que será narrado pelo “Piano”, conta a história da pianista que quis se aproximar das raízes da obra que interpreta. Fascinada pelo processo de desconstrução e reconstrução da música e da intérprete e – proporcionando o nascimento de uma nova artista – ela descobre uma trajetória de vida, consciente da sua responsabilidade como artista, dando um maior sentido à sua carreira. É uma verdadeira e profunda viagem transformando e redescobrindo a música através da experiência, do contato e da troca com compositores, povo e meio ambiente.

Contemplam o processo de reconstrução e releitura de obras dos compositores amazônidas.

SERVIÇO

Lançamento do CD/DVD Raízes – Um Piano na Amazônia

QUANDO: 8/11 (quinta-feira)
HORÁRIO: 18h30min
ONDE: Centro Integrado de Cultura – CIC (avenida Governador Irineu Bornhausen, 5600, Florianópolis)
INGRESSOS: Entrada Franca
Espetáculo Raízes – Um Piano na Amazônia

QUANDO: 9/11 (sexta-feira)
HORÁRIO: 20h30min
ONDE: Teatro Álvaro de Carvalho – TAC (rua Marechal Guilherme, 26, centro, Florianópolis)
INGRESSOS: R$ 10 e R$ 20, com venda na bilheteria do teatro.

Leia também:

Marília Mendonça, Fernando e Sorocaba e Tribalistas fazem shows em dezembro em SC