Saiba quais foram os nomes de bebês mais escolhidos em 2018 e as tendências para 2019

O levantamento baseia-se no cadastro de 501 mil bebês nascidos em 2018

bebê
Foto: Pexels

A plataforma digital BabyCenter divulgou quais foram os nomes de bebês mais escolhidos em 2018 no Brasil. Entre os meninos, Miguel lidera o ranking pelo oitavo ano consecutivo. Já para as meninas, Helena está no topo da lista, superando Alice, que liderava desde 2015.

Arthur permanece na segunda posição entre os meninos nascidos no Brasil, mas Heitor vem logo atrás em forte alta, seguido de Bernardo e Davi. O ranking 2018 do BabyCenter mostra outros nomes em alta, como Benjamin, que já ocupa o 10° lugar, Joaquim (14°), Samuel (15°) e Henrique (16°).

O supersucesso Enzo sucumbiu às brincadeiras e aos memes que circularam na Internet e caiu, tanto na versão isolada como em nomes compostos. Benício e Isaac mostraram grande alta, aproximando-se dos 20 nomes masculinos mais usados. Veja aqui a lista dos 100 nomes de meninos mais usados em 2018.

Entre as meninas, Laura e Manuela superaram Sophia e Valentina e agora ocupam o terceiro e o quarto lugar no ranking de nomes femininos. Cecília, em 14° lugar, e Eloá, em 15°, são nomes de menina que estão subindo, enquanto sucessos dos últimos anos como Maria Eduarda (18° lugar) e Beatriz (21°) demonstram tendência de queda. Veja os 100 nomes de meninas mais usados em 2018.

O levantamento do BabyCenter baseia-se no cadastro de 501 mil bebês nascidos em 2018. É uma das fontes mais detalhadas e atualizadas anualmente sobre nomes de bebê no país. O ranking do BabyCenter é o único que leva em conta os nomes compostos e ao mesmo tempo uniformiza as grafias diferentes.

Nomes em alta em 2019

Nomes curtos de menino terminados em “el”: Nomes curtos já são um sucesso faz tempo, tanto para meninos como para meninas. Para meninos, nos próximos anos, devem seguir a onda de Gael, nome latino-americano já consagrado no ranking dos 100 nomes de meninos mais usados, os nomes Rael (nome do filho de Ísis Valverde), Kael, Kalel, Eliel, Fael, Joel, Abel e Lael.

Nomes de menina que rimam com Antonella: Antonella vem ganhando corações no Brasil, como mostra o ranking dos 100 nomes de menina mais usados, e nos próximos anos deve ajudar a impulsionar nomes com a mesma terminação, também com inspiração italiana, como Fiorella, Ariela, Micaela, Anabela e Donatella.

Nomes curtos internacionais: A internacionalização dos nomes de bebê é um fenômeno mundial. O BabyCenter acompanha os nomes de bebês mais usados em vários países, e os campeões vão se tornar cada vez mais frequentes nas listas brasileiras. Os nomes curtos vêm sendo preferidos faz tempo, e alguns nomes internacionais, vindos do inglês, já se consagraram, como Oliver, Bryan, Emily (na grafia Emilly) e Agatha. Conforme as pessoas se acostumam com nomes globalizados, presentes em personagens de séries, por exemplo, eles vão passar a ser usados com menos “temor” de causar estranheza. Assim, devem ficar cada vez mais em alta os nomes Noah, Adam, Dylan, Ben, Liam, Ethan e Taylor. Para meninas, devem subir Chloe, Zoe, Ava, Mia e Emma.

Ícaro e Valentim: Valentim sobe cada vez mais para meninos, porque sua sonoridade lembra a do sucesso Benjamin e o significado de valentia é bastante atraente para as famílias. O nome ganhou força com a série infantil Os Valentins, e em 2019 ainda deve ser influenciado pela dupla de personagens Ícaro (Chay Suede) e Valentim (Danilo Mesquita) da novela global Segundo Sol.

Leia também:

Saiba quais foram os emojis, GIFs e hashtags mais usados no Instagram em 2018

Arquiteta catarinense conquista famosos com quartinhos de bebês

Cólicas em bebês: saiba como aliviar esse incômodo