Scarlett Johansson alfinetou quem a criticou por aceitar papel como homem trans

Rub & Tug conta a história de Dante “Tex” Gill, que nasceu mulher, se vestia com roupas masculinas e insistia em ser tratado como “Senhor Gill”

Foto: AFP

Scarlett Johansson alfinetou quem criticou seu papel em Rub & Tug, filme que conta a história de um transgênero, protagonizado pela atriz. A escalação de Scarlett repercutiu de forma negativa entre a comunidade trans, que pede por um ator transgênero no papel.

Um representante da atriz respondeu às críticas em um comunicado ao site Bustle: “Diga a eles para falarem diretamente com os atores Jeffrey Tambor, Jared Leto, e Felicity Huffman”.

O comunicado se referia aos homens que já interpretaram mulheres trans no cinema e na TV e até mesmo foram premiados. Jared Leto venceu o Oscar por seu papel em Clube de Compras Dallas, Jeffrey Tambor foi duas vezes vencedor do Emmy e de um Globo de Ouro por seu papel em Transparent.

Rub & Tug conta a história de Dante “Tex” Gill, que nasceu mulher, se vestia com roupas masculinas e insistia em ser tratado como “Senhor Gill” por seus subalternos. Entre os anos 1970 e 80, Gill se tornou um chefão do crime e da prostituição em Pittsburgh.

Leia mais:

Direto da Rússia, Neymar se declara para Bruna Marquezine no Instagram

Gêmeas fazem sucesso no Instagram com trajes típicos dos países da Copa