Tatiane Marafon: Um texto para amores, pais, mães, irmãos e amigos

Foto: Pexels
Por Tatiane Marafon, psicóloga do Lapidar Terapias

Como eu queria…

Perdi as contas de quantas vezes o chuveiro foi meu melhor amigo. Enquanto a água corria pelo meu rosto ficava fácil disfarçar as lágrimas, e nas vezes em que me perguntavam por que meus olhos estavam vermelhos o xampu sempre foi um bom álibi.
Por que nunca desabafei com alguém? Simples, era você quem eu queria ao meu lado, e por mais que a expectativa fosse grande eu sabia que isso não aconteceria tão cedo.
Tantas palavras que foram incrementando meu vocabulário, mas cadê seu nome?
Sabe, eu viajei por inúmeras cidades, vi paisagens lindas, conheci pessoas fascinantes. Mas para quem mostrar os registros?
Não posso negar que você ligava todos os domingos no final da tarde. Eu agradeço por isso. Apesar de nossas conversas, com o passar do tempo, não se tornarem nada além de um monólogo…
Aprendi a valorizar outras pessoas que sempre estiveram ao meu lado. Sei que isso em dados momentos te causou ciúmes, mas eu precisava de referências, precisava de companhia, precisava ser na vida de alguém, e ter certeza que caso eu caísse alguém me ajudaria a levantar e cuidaria de minhas feridas, diferente de você que por um motivo ou outro decidiu ver apenas minhas cicatrizes.
Ainda assim, você continuará tendo um lugar na minha vida, afinal, uma pessoa não é importante só pela massa do que faz em nós, mas também pelo vazio de nada nos fazer…
Leia mais:

Tatiane Marafon: Não esqueci você

Tatiane Marafon
Localizada em Balneário Camboriú, a Lapidar Terapias atua no mercado de prestação de serviços de Psicologia Organizacional, e apresenta como proposta um trabalho personalizado e moderno, conforme as demandas e objetivos dos clientes. Um serviço que proporcione à sua empresa a gestão de pessoas, valorizando o ser humano e a qualidade de vida nas relações sociais de sua organização.