Thiago Gagliasso fala sobre briga com o irmão Bruno e confirma motivação política

Thiago Gagliasso
Foto: Reprodução / Instagram

A briga entre Giovanna Ewbank e Thiago Gagliasso finalmente teve o motivo revelado. Em entrevista ao canal da youtuber Antonia Fontenelle, o irmão do ator global Bruno confirmou que a discussão nas redes sociais iniciou por conta de disparidades políticas. Thiago declarou que irá votar em Jair Bolsonaro (PSL), enquanto Ewbank e Bruno já declararam apoiar o movimento #EleNão.

No bate-papo divulgado nesta sexta-feira (26), o entrevistado fala sobre as diferenças entre os irmãos, que possuem “ciclos sociais diferentes”, mas que ficou incomodado com a atitude do irmão diante do embate:

— Ele não soube respeitar o meu posicionamento. Essas diferenças nossas extrapolaram através da política, quando ele levou para o lado pessoal e não respeitou meu posicionamento. De achar que sou um ser humano pior ou melhor pelo meu voto, por quem apoio ou pelo que acredito.

Thiago revelou também que era o momento em que os dois precisavam se afastar um pouco para que ele “reveja os conceitos dele”:

— Quem sabe lá na frente a gente possa sentar como duas pessoas normais e não como “ah, você é racista, homofóbico por apoiar o Bolsonaro”. Não foi uma atitude correta compartilhar a briga, mas não me arrependo. Acho que foi necessário — acredita.

Sobre a relação com a cunhada Giovanna, o ator da Rede Record acredita que não achou justo o que ouviu:

— Ela se posicionou daquela maneira, eu tive meu direito de resposta. Já que ela trabalha tanto na internet e gosta tanto de falar da vida pessoal , não deve ter gostado muito, mas foi uma forma que tive de me expressar e de achar que é justiça. Não achei justo o que ela falou pra mim, da mesma forma que ela não achou justo eu ter colocado na internet — finaliza.

Leia também: 

Quem é Thiago Gagliasso, protagonista da briga com Giovanna Ewbank

Após briga com cunhado, Giovanna Ewbank ganha declaração de Bruno Gagliasso