10 destinos de turismo religioso para conhecer no Brasil

Nova Trento, a cerca de 80 quilômetros de Florianópolis, passou a atrair grande número de visitantes após a canonização de Madre Paulina, em 2002.

Foto: Charles Guerra

De acordo com dados do Ministério do Turismo, são realizadas, anualmente, 8,1 milhões de viagens domésticas movidas pela crença de turistas e seguidores de grandes comemorações e expressões de fé. A faixa etária que busca por esse tipo de roteiro é variada.

– No catolicismo, os idosos são os fiéis que mais buscam o turismo religioso. Entre os evangélicos, a maior procura é feita por jovens – explica a agente de viagens Carmen Santos, da Bellenzier Turismo, que realiza caravanas.

Conheça 10 destinos religiosos para conhecer no Brasil:

Santuário Nacional de Aparecida

Aparecida (SP) – Missa de Nossa Senhora Aparecida no Santuário Nacional no dia da Padroeira do Brasil (Rovena Rosa/Agência Brasil)

Em 1707, três homens foram pescar no Rio Paraíba, no Vale do Paraíba (SP), em uma época escassa de peixes. Chegando ao Porto de Itaguassu, a primeira coisa que caiu em suas redes foi o corpo de uma imagem quebrada na altura do pescoço. Em seguida, pescaram a cabeça e reconheceram ser Nossa Senhora da Conceição. Depois que a imagem foi retirada da água, ocorreu o que foi considerado um milagre: os pescadores conseguiram pescar uma quantidade incrível de peixes.

Por ter surgido de um modo tão misterioso para o povo, a imagem da Senhora da Conceição passou a ser conhecida como Aparecida, que se tornou a padroeira do Brasil. Ali perto, na cidade que também ganhou o nome de Aparecida, foi erguido o santuário que, hoje, é um dos maiores destinos de peregrinação da América Latina.

A Basílica de Nossa Senhora Aparecida é o segundo maior templo católico do mundo, menor apenas que a Basílica de São Pedro, no Vaticano. Embora o local receba visitantes o ano inteiro, o ponto alto é a celebração do dia da padroeira, em 12 de outubro.

Círio de Nazaré

Realizado em Belém do Pará há mais de dois séculos, o Círio de Nazaré é uma das maiores e mais belas procissões católicas do Brasil e do mundo. Reúne, anualmente, milhões de romeiros  em marcha pelas ruas da capital do Estado, num espetáculo grandioso em homenagem a Nossa Senhora de Nazaré, mãe de Jesus. Na procissão, a Berlinda que carrega a imagem da Virgem de Nazaré é seguida pelos fiéis. Por sua grandiosidade, o Círio de Belém foi registrado, em 2004, pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), como Patrimônio Cultural de Natureza Imaterial. O Círio ainda agrega várias outras manifestações, como a trasladação, a romaria fluvial e diversas peregrinações e romarias que ocorrem na quadra Nazarena.

Santuário Basílica do Divino Pai Eterno

A Romaria do Divino Pai Eterno atrai, todos os anos, no primeiro domingo de julho, uma quantidade cada vez maior de turistas e romeiros que peregrinam ao município de Trindade, em Goiás, para manifestar a sua devoção ao Pai Eterno. Desde 1840, quando um casal encontrou às margens do Córrego do Barro Preto um medalhão de barro no qual estava representada a Santíssima Trindade coroando a Virgem Maria, a romaria vem se consolidando como uma das maiores festas religiosas do país.

Santuário da Santa Paulina 

Foto Divulgação

Nova Trento, a cerca de 80 quilômetros de Florianópolis, em Santa Catarina,  passou a atrair grande número de visitantes após a canonização de Madre Paulina, em 2002. Imigrante italiana, a religiosa foi um exemplo de humildade, dedicação e persistência. Depois de sua morte, em 1942, aos 77 anos, vários devotos disseram ter graças alcançadas que, mais tarde, foram reconhecidas como milagres pela Igreja Católica.

O principal atrativo local é o Santuário de Santa Paulina. Na Colina da Madre, antigo lugar onde a irmã praticava seus retiros espirituais, existe uma réplica da casa onde ela viveu. Além disso, os peregrinos podem visitar os museus da Beatificação e da Canonização. O lugar une religião e ecoturismo, em uma área com trilhas, cascatas, lagoas e jardins. A gastronomia italiana também é um estímulo à visitação.

Casa da Prece de Chico Xavier

O turismo religioso em Uberaba (MG) teve início na década de 1970, com o trabalho do médium Chico Xavier. Os turistas buscam a Casa da Prece de Chico Xavier, mas também passam pelo centro de outros dois médiuns e por cidades da região, que formam com Uberaba a Rota do Espiritismo. Na Chácara Triângulo, há mais de cem anos, ocorre um culto espírita diário, às 9h.

Lavagem do Bom Fim

Em Salvador (BA), os fiéis encontram a Lavagem do Bonfim, cerimônia que ajuda a traduzir o convívio harmonioso entre as diferentes religiões do país. Católicos e seguidores do Candomblé se reúnem na segunda quinta-feira de janeiro para prestar homenagem aos santos e orixás. O evento reúne 1 milhão de pessoas ao som de palmas, toque de atabaque e cânticos de origem africana.

Paixão de Cristo

O espetáculo da Paixão de Cristo é realizado todos os anos, durante a Semana Santa, em Nova Jerusalém, Pernambuco. São 500 atores atuando em 12 palcos cercados por uma muralha de 3,5 quilômetros. Entre um ato e outro, uma multidão movida pela fé caminha entre os cenários, transportando-se, durante algumas horas, à época de Cristo, revivendo sua saga e renovando os sentimentos cristãos.

Estátua do Padre Cícero

A estátua edificada no local onde o mais polêmico dos padres do clero brasileiro costumava orar, em Juazeiro do Norte, foi inaugurada em 1969. Desde então, a busca pela obra é tão grande que o lugar recebe cerca de 2,5 milhões de romeiros por ano.

Templo de Salomão

Erguido em uma área de 35 mil metros quadrados, equivalente a cinco campos de futebol, o Templo de Salomão – réplica da construção bíblica da antiga Jerusalém – chama a atenção pela grandiosidade e pelos altos custos, que chegaram a R$ 685 milhões. A sede da Igreja Universal fica no bairro do Brás, em São Paulo. Inaugurado em 2014, é o maior templo do Brasil, superando em quatro vezes o tamanho de espaço construído do Santuário Nacional de Aparecida (SP). Para a obra, foram importados de Hebron, cidade da Cisjordânia, 40 mil metros quadrados de pedras. Dentro das dependências do local, há 12 oliveiras, trazidas do Uruguai, para reproduzir o Monte das Oliveiras.

Templo Zu Lai

Localizado em Cotia, região metropolitana de São Paulo, é considerado o maior templo budista da América Latina e o segundo maior das Américas. Com Mata Atlântica preservada, a construção tem 150 mil metros quadrados de área total. Além da beleza natural e da espiritualidade, o templo conta com uma agenda cultural que engloba cerimônias e festividades durante todo o ano.

 

Portugal é eleito o melhor destino turístico do mundo
Confira 10 dicas para uma viagem tranquila de carro