Ubuntu é o espaço eleito pelo público como o melhor da CasaCor 2017, em Florianópolis

Divulgação

Chegou ao fim neste domingo (dia 22) mais uma edição da CasaCor em Santa Catarina, que este ano ocorreu no antigo imóvel da Irmandade do Divino Espírito Santo na Praça Getúlio Vargas (a Praça dos Bombeiros), em Florianópolis. A noite de encerramento foi tomada por uma expectativa natural para saber qual dos 28 ambientes seria o escolhido do público, que ao visitar a Mostra recebia junto com o mapa do local uma cédula para votar no espaço preferido. O vencedor foi o espaço Ubuntu dos arquitetos Fábio Vitorino, Leandro Sumar e Tauan Zanetta.

O Ubuntu era um dos últimos espaços visitados pelo público, o de número 21, que ficava no fim do corredor externo do piso superior. Ali, era comum o visitante ser recebido por um dos próprios arquitetos, que descia a escada explicando o conceito do ambiente misto de lavabo e espaço de circulação. Mais contemporâneo entre todos os espaços, o Ubuntu formava uma galeria no decorrer da escada, com imagens de catarinenses que representavam diferentes etnias, crenças, alterações genéticas e orientações sexuais. Ao final da primeira série de degraus, o piso transparente permitia que o visitante observasse materiais originais que fazem parte da arquitetura do casarão. Mais um lance de escadas e o público chegava ao lavabo sem distinção de gênero.

 

Espaço Ubuntu na CasaCor 2017, em Florianópolis. Fotos: Lio Simas

Com 35 m2, o local trazia elementos rústicos e naturais, com o aproveitamento de pedras naturais de basalto cor ferrugem, madeiras já existentes na construção, porcelanatos que remetem ao sisal e grafismos africanos. Luminárias pendentes de filamentos de carbono, árvores fixadas no teto e um jardim vertical complementam o projeto. As fotos são de Victor Hugo Silva, feitas exclusivamente para exposição na Casacor SC.

A CasaCor 2017 ocorreu de  10 de setembro até este domingo, em Florianópolis. Os 28 ambientes, com tamanhos entre 15 m2 a 177 m2, foram apresentados em três pavimentos, por 46 profissionais.

Leia também:
Sandro Clemes: o contraste do preto e branco na decoração

Veja como foi a CasaCor 2017, em Florianópolis