Um em cada três funcionários passará vergonha na festa de fim de ano da firma, diz estudo

O levantamento, que foi realizado em 2 mil escritórios americanos, concluiu que um trabalhador ouve, em média, sete novas fofocas sobre os colegas da empresa

festa
Foto: Pexels

O fim do ano se aproxima e com ele também vêm as confraternizações típicas da época, incluindo as do trabalho. Mas como mostra uma pesquisa realizada pela empresa de marketing OnePoll em parceria com o site de planejamento social Evite, nem tudo são flores, já que um em cada três funcionários faz algo vergonhoso do qual irá se arrepender durante a festa de Natal da empresa. As informações são da Revista Glamour.

O levantamento, que foi realizado em 2 mil escritórios americanos, concluiu que um trabalhador ouve, em média, sete novas fofocas sobre os colegas da empresa — incluindo rumores sobre relacionamentos amorosos —, participa de seis fotos com o grupo e que a maior parte das comemorações são realizadas na sexta-feira. Além disso, também foi possível constatar que 35% chegam atrasados ao trabalho no dia seguinte (quando a festa é realizada durante a semana) e outros 17% tiram o dia de folga.

Porém, nem só de momentos “constrangedores” são feitas as festas de fim de ano da empresa. Cerca de 75% das pessoas ouvidas disseram que gostam da celebração pelo fato de poder socializar com os colegas de forma menos formal, já outros 35% afirmaram que a ocasião ajuda os colegas mais tímidos a interagirem mais. Há também aqueles que trabalham em locais que não têm o hábito de fazer a confraternização, cerca de 27% dos entrevistados.

Leia também:

Especialista dá dicas de como se portar na festa da empresa

Como não engordar nas festas de final de ano